Mercado do boi gordo com baixa movimentação

0
5
Alexas_Fotos (CC0), Pixabay

09/01/2019

Mercado do boi gordo em ritmo lento, com parte dos vendedores fora das compras. Entretanto, nas praças onde há maior movimentação, houve alteração de preço na última terça-feira (8/1). Destaque foi para Rondônia e Goiás, onde desde o início do mês houve desvalorização de 1,5% e 1,6%, respectivamente. Nessas praças, as programações de abate estão relativamente confortáveis, o que permite as empresas pressionarem o mercado, ofertando preços menores pela arroba.

Porém, há regiões, como o Sul do Tocantins, por exemplo, onde as escalas de abates estão mais curtas e, com isso, os frigoríficos ofertam preços maiores pela arroba. Nesta região, o preço subiu 1,1% na comparação com o último levantamento (7/1). Em São Paulo, os preços estão estáveis. Apesar da oferta de boiadas não ser abundante é suficiente para atender a demanda, o que colabora com este cenário.

 

Fonte: Scot Consultoria