Manejo integrado de pragas em sementes armazenadas

0
6

A qualidade das sementes armazenadas pode ser afetada pela ação de diferentes pragas, como besouros e traças. Uma das soluções recomendadas para evitar os prejuízos causados por esse problema é a adoção do manejo integrado de pragas de sementes armazenadas, programa desenvolvido com o propósito de preservar a boa qualidade das sementes, garantindo sua sanidade até o próximo plantio, preconizando a racionalização no uso de agroquímicos.

Conhecido por MIPSementes, o programa consiste em procedimentos simples, por meio dos quais os produtores de sementes podem assegurar a qualidade do produto, evitando o ataque de pragas no recebimento dos grãos, durante o processamento e o beneficiamento das sementes e na sua armazenagem.

O coordenador do MIPSementes, pesquisador da Embrapa Soja, Irineu Lorini, explica que, no controle de pragas na armazenagem pode-se adotar, individualmente ou de forma conjunta, três métodos: uso do inseticida natural terra de Diatomáceas (preventivo), inseticida líquido (preventivo/curativo) e gás fosfina (expurgo para eliminar insetos). A terra de Diatomáceas é um produto natural de fóssil de algas, utilizado também para o manejo em sementes de plantas orgânicas. O pesquisador expliq eu “quando utilizada, a terra de Diatomáceas se mistura com a semente beneficiada que é armazenada. O produto disseca a praga e forma uma película protetora na semente”.

Unidades piloto para aplicação do programa foram montadas nas Unidades de Beneficiamento da Embrapa, em Passo Fundo (RS), Londrina (PR) e Ponta Grossa (PR). O responsável pela ação no Escritório de Negócios da Embrapa Transferência de Tecnologia em Passo Fundo, Marcio Pacheco, relata que o MIPSementes foi implantado a partir de um treinamento sobre controle de pragas.

Pacheco observa que o manejo integrado é bastante simples, requerendo dos produtores de sementes apenas uma mudança de postura: “Não é necessário sequer usar um equipamento de última geração, mas apenas saber como monitorar as pragas, como fazer o manejo de conservação e como aplicar os produtos”.

O resultado do manejo já pode ser observado por produtores comerciais de sementes. O Engenheiro Agrônomo Teomar Müller, responsável técnico da produtora de sementes 3 Tentos Agroindustrial, de Santa Bárbara do Sul (RS), considera o MIPSementes um avanço e indica a implantação do manejo com Terra de Diatomácea. “Aplicamos o programa ao beneficiamento de todas as nossas sementes de trigo. É uma tecnologia que, além de ser de fácil utilização, não agride o meio ambiente e não prejudica a saúde humana e animal”, afirma.

O Prosa Rural é o programa de rádio da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. O programa conta com o apoio do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

Fonte: http://www.portaldoagronegocio.com.br/conteudo.php?id=43601

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here