Espírito Santo bate recorde histórico na safra de café

0
57

A cafeicultura capixaba atingiu a maior produtividade, passando na frente de todos os Estados brasileiros

Incaper – ES

O Espírito Santo ocupa menos de 0,5% do território Brasileiro, mas teve a maior produtividade média de café do Brasil, batendo recorde de produção no Estado. Segundo dados da terceira estimativa da safra 2011/2012, realizada pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a cafeicultura capixaba atingiu a maior produtividade, passando na frente de todos os Estados brasileiros.

“Nunca havíamos registrado uma safra deste porte no Estado. Até esta terceira estimativa de safra, foram colhidos no Espírito Santo 11.573 milhões de sacas de café, sendo 3.079 milhões de arábica e 8.494 milhões conilon. Nossa produtividade media foi de 25,5 sacas por hectare, superior a média nacional, que foi de 22 sacas por hectare. Este ano entra na história capixaba, com o alcance das maiores produtividades já registrada para as duas espécies”, destaca o coordenador do programa de cafeicultura e pesquisador do Incaper, Romário Gava Ferrão.

Com relação aos últimos seis anos de produção, o Estado teve um crescimento 43,5% de crescimento entre 2005 e 2011. Dessa porcentagem, 50% foi devido ao aumento na produção de café arábica e 41% do conilon. Para o coordenador, este aumento na produção se deve a várias ações feitas pelo Governo do Espírito Santo e parceiros nos últimos anos, como a pesquisa aplicada nas diferentes áreas do conhecimento desenvolvidas pelo Incaper, programas de melhoria de qualidade e renovação de lavoura. “No programa de pesquisa do Incaper, vêm sendo desenvolvidas tecnologias voltadas para a cafeicultura no Espírito Santo. São 25 anos de pesquisa, com 38 projetos e 153 ações de pesquisa voltadas para a melhoria da produtividade e da qualidade do café capixaba. afirma Romário.

Para o diretor presidente do Incaper, Evair Vieira de Melo, o recorde também se deve ao amplo programa de transferência de tecnologia do Instituto e Instituições parceiras. “São mais de 1.500 ações de transferência de tecnologia, como dias de campo, visitas técnicas, publicações, demonstrações de poda e irrigação, unidades demonstrativas, cursos, entre outras atividades, além da distribuição de mudas e sementes por meio do Programa Renovar Arábica e da Campanha de Melhoria da Qualidade do café conilon”, ressalta.

A primeira estimativa da safra 2011/2012 ocorreu entre os meses de novembro e dezembro de 2010, época em que as lavouras estão enfolhadas com cargas elevadas de frutos em formação, e a segundo estimativa aconteceu em abril de 2011, período em que as lavouras mostravam alto potencial de produção com bom enchimento dos grãos.

Além do Espírito Santo, destacam-se na produção do café os Estados de Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Bahia, Rondônia e Mato Grosso.

Panorama

O Espírito Santo possui uma área aproximada de 500 mil hectares de lavoura de café, que foi responsável pela produção de mais de 11.500 milhões de sacas, oriundas de 60 mil propriedades localizadas no Estado. Essa produção coloca o Espírito Santo como o segundo maior produtor do Brasil, com 25% da produção nacional. Quando tratado apenas do Conilon, o Estado ocupa o primeiro lugar, com 72 % da produção do Brasil. Se fosse um país, o Estado seria o terceiro maior produtor mundial, perderia pelo próprio Brasil e Vietnã.

O café está presente em todos os municípios capixabas, exceto Vitória, sendo ele o maior gerador de empregos no Estado. A cafeicultura é a principal atividade econômica em 80% dos municípios e representa, sozinho, 43% do PIB agrícola do Estado. Toda cadeia que envolve o café gera aproximadamente 400 mil postos de trabalhos por ano, e só no setor de produção é envolvido 131 mil famílias. A produção que gera esse grande negócio é obtida prioritariamente por produtores de base familiar, com tamanho médio das lavouras em torno de 4,8 hectares para o café arábica e 9,4 hectares para o café conilon.

Dentro da produção de café estadual, aproximadamente 73% é de Conilon e 27% de arábica. O café Conilon é plantado em 64 municípios, em regiões quentes, com altitudes inferiores a 500 metros. Os maiores produtores são Vila Valério, Jaguaré, Sooretama, Linhares, Rio Bananal, São Mateus, Nova Venécia, Pinheiros São Gabriel da Palha, cuja produção de cada município é superior a 400 mil sacas por ano.

Já o arábica é produzido em 43 municípios capixabas – em regiões com altitude superior a 500 metros -, envolvendo 20 mil propriedades. Cerca de 70% da produção advém das regiões do Caparaó e Serrana, sendo que os principais municípios produtores são Brejetuba, Iuna, Vargem Alta, Muniz Freire, Irupi, Ibatiba. A produtividade média no Estado é de 17,85 sacas beneficiadas/ha, mas muitos produtores alcançam produtividades superiores a 40 sacas/ha, atingindo até 80 sacas/ha. A safra estimada para 2011 é de 3,078 milhões de sacas.

Programa Renovar Arábica

O ‘Renovar Café Arábica’ tem como o objetivo renovar e revigorar lavouras de cafés arábicas do Estado do Espírito Santo, com foco no aumento da produtividade, melhoria da qualidade do produto e de processos, visando oferecer maior sustentabilidade da atividade.

O programa abrange 49 municípios, que ocupa uma área de aproximadamente 190 mil hectares em mais de 20 mil pequenas propriedades de base familiar e está inserido no Programa de Cafeicultura Sustentável, baseado no Novo Pedeag – 2007 – 2025.

Dentre as metas estão: a renovação de 100% do parque cafeeiro de arábica com variedades recomendadas e com a utilização de boas práticas agrícolas; a ampliação da cobertura florestal em áreas vulneráveis; a elevação da produtividade média da cafeicultura de arábica para 22,6 sacas; o aumento da produção que se encontrava nos últimos cinco anos, entre 2 a 3 milhões de sacas, para 4 milhões de sacas, sem aumentar a área plantada. Além disso, a ampliação da produção de café superior de 300 mil sacas, para 1 milhão de sacas por ano; a implantação de salas de provas de café arábica em todos os municípios; e a ampliação da exportação de café com valor agregado.

Em três anos, 10% do parque cafeeiro do Estado foi renovado, usando boas prática agrícolas, adotando tecnologias mais modernas e maior adensamento das lavouras. Todo o trabalho realizado nos último cinco anos pelo Incaper e Intituições parceiras contribuiu de forma significativa para aumentar em mais de 50% a produção e a produtividade, sem aumentos na área plantada..

Campanha de Melhoria da Qualidade do café

Com o propósito de melhorar a qualidade do café Conilon, o Espírito Santo entra no quarto ano da campanha de Melhoria da Qualidade do café. Com o tema: “É o Espírito Santo produzindo café de qualidade”, o Instituto produziu uma série de materiais informativos, como cartazes, banners, foldes e cartilhas, que trazem as técnicas adequadas de cultivo, colheita, secagem, beneficiamento e armazenamento, com os chamados “10 mandamentos para produzir um café de qualidade”, que visam a conscientização dos cafeicultores capixabas.

Para 2011, o Incaper tem na programação cerca de mil ações para capacitações associadas à melhoria da qualidade do café Conilon e produção de café arabica com excelência de qualidade, para os agricultores familiares de todo o Estado.

Entre as ações, estão a realização de 610 demonstrações de métodos adequados de cultivo do cafeeiro (sendo 110 unidades demonstrativas), 70 dias de campo, 20 excursões técnicas, 70 encontros de produtores e 120 cursos de capacitação de técnicos e produtores em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/ES).

Os treinamentos e capacitações irão tratar de aspectos que contribuem para qualidade final do produto, como colheita, secagem, beneficiamento e armazenamento do café. Estima-se que, entre os produtores de café arábica e Conilon, serão assistidos sem repetição cerca de 26.000 agricultores capixabas. O objetivo é alcançar novos mercados diferenciados e aumentar a rentabilidade dos produtores na atividade.

 

Fonte: http://www.portaldoagronegocio.com.br/conteudo.php?tit=espirito_santo_bate_recorde_historico_na_safra_de_cafe&id=62374

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here