Compostos bioativos de cacau permitem desenvolver remédios

0
8
dghchocolatier (CC0), Pixabay

22/03/2019

Uma equipe internacional de pesquisadores, liderada pela Universidade de Granada (UGR), na Espanha, conseguiu isolar um composto com atividade contra a acondroplasia a partir de compostos bioativos presentes no cacau. A doença é uma perturbação do crescimento do osso, que provoca o seu desenvolvimento anormal.

Além disso, a Acondroplasia é uma displasia óssea causada por um distúrbio genético e a principal causa do nanismo. É uma doença rara que afeta 1 em 25.000 recém-nascidos, e atualmente não há tratamento efetivo contra ela.

Os pesquisadores da UGR apontam que os compostos, principalmente fenólicos, que estão contidos no fruto do cacaueiro ( Theobroma cacao ) conferem uma série de efeitos benéficos à saúde dessa matriz. É por isso que muitos estudos direcionaram seus esforços nos últimos anos para estudar sua composição e bioatividade em diferentes patologias.

“A fim de obter diferentes frações de compostos com pureza variável, utilizou-se várias técnicas, tais como extração de fase sólida, de separação por membrana de micro-, ultra- e nanofiltração, cromatografia líquida de semi-preparativa e a combinação de alguns deles ”, explica a principal autora deste trabalho, María de la Luz Cádiz Gurrea, do Departamento de Química Analítica da UGR e do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Alimentos Funcionais (CIDAF). Além disso, todas as amostras obtidas foram analisadas por cromatografia líquida de alta eficiência acoplada à espectrometria de massas.

Em termos gerais, os resultados revelaram que as frações resultantes não apresentaram toxicidade, exceto altas concentrações das frações mais puras, o que pode ser devido ao grande potencial bioativo desses compostos individuais. Estes resultados sugerem que os referidos compostos bioativos do cacau podem exercer um efeito benéfico a baixas concentrações, e podem ser facilmente incorporados em diferentes produtos.

 

Fonte: Agrolink