Cana: cenário é de melhora nos preços

0
8
SUGAR CANE, PIXABAY

“Para o final da safra 2018/19 é estimado um superávit de 1,1 m.t”

Publicado em 08/05/2019

Os preços da cana nesta safra devem ficam entre 11,5 a 14 centavos de dólar por libra-peso, com consumo crescendo 1,4% e os estoques. Foi isso que informou Marcos Fava Neves, Professor Titular das Faculdades de Administração da USP em Ribeirão Preto e da FGV em São Paulo e especialista em planejamento estratégico do agronegócio.

“Sinto um cheiro de virada no ar, pela dança dos fatos e números que trago nesta minha análise do mês de abril. Vamos aos números, começando pelo Rabobank, que estima déficit global de 4,3 m.t. de açúcar na safra 2019/20, com queda da produção indiana (cerca de 2,2 milhões menor). Para o final da safra 2018/19 é estimado um superávit de 1,1 m.t”, comentou o especialista.

De acordo com o S&P Global Platts, o déficit na safra mundial 2019/2020 será 1,93 milhões de toneladas e a safra 2018/2019 terá superávit de 5,55 milhões de toneladas. Já a a INTL FCStone informou que o déficit de açúcar na safra 2018/2019 será de 0,3 milhões de toneladas, sendo que a última estimativa era de 0,7 milhões de toneladas.

“Serão produzidas 185,7 m.t. de cana, valor 3,3% menor que o de 2017/18. No caso do consumo mundial de açúcar, será 1,2% maior, totalizando 186,0 m.t. (valor bruto). Para a LMC, o déficit de açúcar nesta safra ciclo será de 3 m.t., contra um superávit de 1,5 m.t. na atual. Segundo a Archer o Centro-Sul produzirá 26,9 m.t., abaixo das 28,5 m.t. de 2018/19. O mix será de 36% para açúcar e teremos 572 m.t. de cana, com 29,5 bilhões de litros de etanol em 2019/20”, indica.

Fonte AGROLINK