Arroz: Brasil deve exportar 1,5 mi de toneladas

0
2
moritz320 (CC0), Pixabay

Publicado em 10/12/2018

Para executivo da Camil, volume embarcado pode recuar no próximo ano; empresa reafirma intenção de fazer aquisições em setores como café e derivados de trigo

As exportações brasileiras de arroz devem encerrar o ano-safra, que termina em 28 de fevereiro do ano que vem, em 1,5 milhão de toneladas, projetou ontem a Camil em encontro com analistas, em São Paulo.

Conforme o diretor de suprimentos da empresa, André Ziglia, os embarques elevados, puxados pelo câmbio e pelo maior preço do arroz norte-americano, não devem se repetir no ciclo seguinte. “No ano que vem, a tendência é retornar a 1,2 milhão de toneladas por ano ”, afirmou. Em 2017, o País embarcou 870 mil toneladas do cereal.

Neste cenário, a empresa ampliou entre 100% a 120% as exportações em 2018, dependendo do produto.

“Exportamos mais valor agregado ligado ao varejo diretamente, não a trading. É um segmento que nós achamos que seria mais estável”, ponderou o executivo.

Leia a notícia na íntegra no site do DCI.

Fonte: DCI