Soja

USDA corta estoques de soja e aumenta os de millho dos EUA das safras nova e velha

Publicado em 10/06/2015

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) divulgou seu novo boletim mensal de oferta e demanda e, confirmando as expectativas do mercado, reduziu os estoques finais de soja dos EUA das safras 2014/15 e 2015/16. Já os estoques de milho tiveram suas estimativas revisadas para cima.

Soja – Safra 2014/15

Os estoques finais de soja da safra velha dos EUA passaram de 9,53 milhões a 8,98 milhões de toneladas, volume que ficou abaixo das expectativas do mercado, que apostava em 9,3 milhões de toneladas.

O USDA trouxe ainda um ligeiro aumento no esmagamento norte-americano, o qual passou de 49,12 milhões para 49,4 milhões de toneladas. Já as exportações também tiveram um pequeno reajuste, subindo de 48,99 milhões para 49,26 milhões de toneladas.

Para o quadro mundial, o departamento apontou um aumento de 317,25 milhões para 318,25 milhões de toneladas de produção e, por outro lado, estimou uma redução nos estoques de 85,54 milhões para 83,7 milhões de toneladas.

O USDA apontou ainda um aumento de 1 milhão de toneladas na safra de soja da Argentina, para 59,5 milhões de toneladas e estoques finais também maiores, estimados em 32,95 milhões de toneladas. Os estoques finais do Brasil, por outro lado, foram revisados para baixo e passaram de 24,93 para 22,75 milhões de toneladas.

Safra 2015/16

A estimativa dos estoques finais da safra 2015/16 dos Estados Unidos passou de 13,61 milhões para 12,93 milhões de toneladas. A produção e a produtividade foram mantidas em, respectivamente, 104,78 milhões de toneladas e 52,17 sacas por hectare.

O esmagamento da safra nova passou de 49,67 milhões para 49,8 milhões de toneladas, enquanto as exportações foram mantidas em 48,31 milhões.

A produção mundial ficou estimada em 317,58 milhões de toneladas, ligeiramente acima do boletim anterior, e os estoques mundiais da nova safra passaram de 96,22 para 93,22 milhões de toneladas.

As safras do Brasil e da Argentina foram mantidas em 97 e 57 milhões de toneladas, respectivamente, enquanto as importações de soja da China também sem trazer modificações e ainda estimadas em 77,5 milhões de toneladas.

NÚMEROS DA SOJA

USDA Junho - Soja

Milho – Safra 2014/15

No caso do milho, a situação foi a inversa e os estoques finais da safra velha dos EUA foram elevados, passando de 47,02 para 47,65 milhões de toneladas. Ao mesmo tempo, o USDA reduziu o volume do cereal destinado à produção de etanol e a estimativa, nesse caso, passou de 132,09 milhões para 131,45 milhões de toneladas.

O departamento apresentou ainda uma forte elevação de sua projeção para a produção mundial da safra 2014/15 que passou de 996,12 milhões para 999,45 milhões de toneladas. Assim, os estoques finais passaram de 192,5 milhões para 197,01 milhões de toneladas.

O USDA estimou ainda um aumento na produção brasileira de 78 para 81 milhões de toneladas e estoques finais passando de 17,27 para 20,27 milhões de toneladas. No caso da Argentina, a safra foi estimada em 25 milhões, contra 24,5 milhões de toneladas, com estoques agora projetados em 1,51 milhão de toneladas, menores do que a estimativa de maio de 1,89 milhão.

No caso do milho, a situação foi a inversa e os números de ambas as safras foram elevados. A estimativa do USDA para a temporada 2014/15 passou de 47,02 milhões para 47,65 milhões de toneladas, enquanto da 2015/16 passou por um incremento de 44,35 para 44,99 milhões de toneladas.

Outro destaque entre os dados do milho foi o aumento na produção mundial da safra 2014/15, com sua estimativa sendo elevada de 996,12 milhões para 999,45 milhões de toneladas. Assim, os estoques finais globais passaram a 197,01 milhões de toneladas, contra as 192,5 milhões de toneladas do boletim de maio.

Milho – Safra 2015/16

Entre os dados da nova safra, poucas alterações para o milho. Com um safra prevista nos EUA de 346,22 milhões de toneladas, os estoques passaram de 44,35 para 44,99 milhões de toneladas. O uso para etanol e exportações permaneceram em 132,09 milhões e 48,26 milhões de toneladas.

O USDA trouxe ainda uma tímida baixa na safra mundial 2015/16, com sua estimativa caindo de 989,83 milhões para 989,3 milhões de toneladas. Os estoques finais globais, porém, passaram de 191,94 para 195,19 milhões de toneladas.

NÚMEROS DO MILHO

USDA Junho - Milho

Fonte: Notícias Agrícolas