Pecuária

Tecnologias para a produção de leite reúnem produtores, técnicos e estudantes na Zona da Mata mineira

15/06/2016

O TecLeite, evento tradicional de transferência de tecnologias para a pecuária de leite no sul fluminense, será realizado pela primeira vez no Campo Experimental José Henrique Bruschi (CEJHB), no dia 28 de junho. A expectativa é que cerca de 300 pessoas participem do TecLeite, cujo público é formado por produtores, técnicos e estudantes ligados às ciências agrárias.

Entre os temas a serem debatidos no evento estão as técnicas de manejo da BRS Kurumi em pastejo rotacionado. A BRS Kurumi é uma cultivar desenvolvida recentemente pelo Programa de Melhoramento Genético de Capim-elefante da Embrapa. A cultivar se destaca por apresentar alto potencial de produção de forragem, com excelentes características nutricionais e elevada produção de forragem.

Outros temas serão: mercado lácteo, qualidade do leite, Integração Lavoura, Pecuária e Floresta (ILPF), captação de água de enxurradas (Barraginha) e alimentação do rebanho. Pesquisadores da Embrapa Gado de Leite (Juiz de Fora) e Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas) vão dividir a abordagem dos temas com técnicos da Emater-MG.

As inscrições para o 5º TecLeite são gratuitas e podem ser feitas no local. O Campo Experimental está localizado no km 42 da rodovia MG-133, no município de Coronel Pacheco, a 30 km de Juiz de Fora e a 270 km de Belo Horizonte.

Serão realizadas palestras e um dia de campo com seis estações. Confira a seguir a programação do evento:

Programação:

8h00 – Inscrição e café da manhã.

8h30 – Abertura.

9h00 – Palestra Mercado do Leite: cenário para 2016.

10h00 – 12h30 Visita ás estações do Dia de Campo:

1 – Coleta de amostras de leite e interpretação do resultado de laboratório da analise de leite.

2 – Forrageiras para o gado de leite – plantio e manejo do capim-elefante anão BRS Kurumi.

3 – Integração Lavoura Pecuária: milho e braquiária.

4 – Pratica de captação de enxurradas – Barraginhas.

5 – Silagem de Capim Elefante.

6 – Uso de cevada na alimentação de vacas leiteiras.

12h30 – Encerramento.

Fonte: Embrapa