Suinos

Uso de antibióticos em animais pode melhorar saúde humana

Estudo sobre o uso de antibióticos na produção animal e a resistência aos mesmos por seres humanos.

O uso de antibióticos melhoram a saúde animal, e pode melhorar substancialmente a saúde humana, segundo um especialista que expôs um trabalho durante um congresso nos Estados Unidos sobre o uso de antibióticos na produção animal e a resistência aos mesmos por seres humanos.

Randal Singer, professor de Epidemiologia da Universidade de Minnesota, que por 12 anos estudou o uso de antibióticos e a resitência humana aos medicamentos, reiterou o que vários grupos têm afirmado repetidamente sobre o uso de antibióticos na ração animal: “A melhor maneira de gerenciar o uso de antibióticos na produção animal é através de políticas racionais, baseadas na ciência”.

Durante o evento americano, oponentes da produção pecuária moderna, no entanto, citaram a teoria de que o uso de antibióticos na ração animal provoca um aumento na resistência dos antibióticos em seres humanos e, portanto, o uso de antibióticos na produção animal deve ser restrita. Vários grupos acreditam que o uso de antibióticos em suínos, aves e bovinos para prevenção ou controle de doenças e/ou melhorar a eficiência alimentar e ganho de peso deveria ser banido. Muitos deles linkaram uma série de estudos sobre o tema e citaram os resultados de uma proibição do uso de antibióticos e promotores de crescimento em 1998 na Dinamarca.

Em abril, os cientistas de diversos Centros de Controle de Doenças e Prevenção dos Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos declararam que não há nenhum estudo científico que liga o uso de antibióticos na ração animal com resistência a antibióticos em seres humanos. As informações são do site internacional World Poultry.

Fonte: http://www.suinoculturaindustrial.com.br

http://www.informativorural.com.br/conteudo.php?tit=uso_de_antibioticos_em_animais_pode_melhorar_saude_humana&id=133