Suinos

Manejo Reprodutivo

Escolha e uso de reprodutores

Na formação do plantel deve ser observada a procedência dos animais procurando adquiri-los onde são adotados critérios rigorosos de seleção, em especial os de produtividade e sanidade, tais como:

– O plantel de origem deve estar livre de doenças infecto-contagiosas, principalmente brucelose, leptospirose e tuberculose;
– Os reprodutores selecionados devem proceder de matrizes prolíferas; e ser suficientemente desenvolvidos para a idade;
– A estrutura óssea deve ser boa, principalmente seus aprumos;
– O aparelho mamário deve ser bem distribuído formando, no mínimo, seis pares de tetas funcionais.

Obs: Nas criações onde já esteja implantado o Registro de Produção a escolha torna-se mais fácil.

Uso dos machos na reprodução

– Os machos podem iniciar a reprodução com 7 meses e pesando em torno de 110 a120kg de peso vivo;
– Os machos com 7 a 10 meses de idade podem realizar no máximo duas coberturas semanais;
– O macho adulto não deverá dar mais do que três saltos por dia. Recomenda-se que descanse tantos dias quantas foram às coberturas realizadas em um dia.

Obs.: Usar os machos na reprodução enquanto realizarem boas coberturas e produzirem leitegadas grandes e uniformes. A vida útil de um reprodutor vai de 3 a 5 anos.

Uso das fêmeas na reprodução

– As fêmeas primíparas podem ser cobertas com 7-8 meses de idade pesando em torno de 110 kg;
– Três a dez dias depois da desmama, as fêmeas costumam entrar em cio;
– Recomenda-se cobri-las 24 horas depois do início do cio. Se as fêmeas continuarem em cio no dia seguinte, recomenda-se fazer uma nova cobertura. Obs: As fêmeas devem permanecer no plantel enquanto produzirem leitegadas grandes e uniformes. A vida útil de uma matriz vai de 3 a 5 anos, em média. A boa fêmea produz no mínimo 2 partos por ano.

Cruzamentos simples mais recomendados
machos fêmeas
duroc x landrace*
duroc x l. white*
hampshire x landrace*
hampshire x l. white*
duroc x wessex***
landrace x l.white**
l. white x landrace**
Landrace x wessex*
Cruzamentos triplos mais recomendados
machos fêmeas
duroc x l. white / landrace*
duroc x landrace / l. white*
hampshire x l.white / landrace*
hampshire x landrace / l. white*
duroc x l. white / wessex***
duroc x lanorace / wessex***
(*) a maioria dos produtos são brancos
(**) todos os produtos são brancos
(***) todos os produtos são pigmentados
(****) grande parte dos produtos são pigmentados

Consangüinidade

– estreita: 1º e 2º graus (pai – filha) inbreedin;
– colateral: 3º e 4º graus (tios – sobrinhos ou primos);
– larga: 4º até 10º graus (line – breeding).

Ciclo reprodutivo

gestação 114 dias
lactação 28 dias
creche 42 dias
recria 80 dias
terminação 60 dias
Cio pós-parto 05 dias
repetição 18 a 20 dias
duração 24 a 36 dias

Fonte: http://www.criareplantar.com.br/pecuaria/lerTexto.php?categoria=34&id=63