Manejo

Seringueira com Irrigação

A irrigação por gotejamento é uma técnica que vem proporcionando bons resultados tanto na implantação quanto na produção dos seringais:

Na fase de implantação o heveicultor ganha com a redução significativa da perda de mudas pois essas não correm o risco de sofrer um déficit hídrico. Também na fase de introdução da seringueira temos a vantagem de poder fazer a adubação via irrigação, essa técnica se chama fertirrigação. Irrigando o seringal desde sua fase de implantação conseguimos fazer com que a produção seja inicializada 1 ano antes no mínimo.

Verificamos que conseguimos economizar nesta fase de implantação com:

  • Compra de mudas que morreram por falta de água.
  • Mão de obra para replantio das mudas mortas.
  • Compra de tratores e tanques para irrigar as mudas.
  • Mão de obra para fazer a adubação.
  • 1 ano a menos de cuidados com o  seringal improdutivo.

Segundo experiência da APTA , iniciada em 2004, no primeiro ano a seringueira obteve um aumento de produção de 680 kg de coágulo por alqueire irrigado e no segundo ano um aumento de 1.115 kg. Lembrando que 1 alqueire de seringueira produz até 10.000 kg de coágulo/ano houve um incremento de produção de 11%, isso significa um ganho R$ 1.300,00 a mais por alqueire.

O Grupo Hevea Brasil Seringueira faz todo o projeto de irrigação, implanta e dá assistência técnica.

Fonte: http://www.heveabrasil.com/?page=seringueira_com_irrigacao.asp