Curiosidades

Segmento de hortifruti aposta em produtos especiais para conquistar consumidores

05/08/2015

Produtores inovam para acompanhar tendências de alimentação, oferecendo opções mais saudáveis e com alto valor agregado

A mudança nos hábitos de alimentação tem impulsionado produtores de hortifruti a oferecer inovações para conquistar consumidores cada vez mais exigentes. Entre as principais tendências identificadas pelo segmento estão os produtos mais saudáveis e as linhas especiais com alto valor agregado. Esse é o conceito seguido pela família Krupa, da região da Lapa (PR), que vem aproveitando a oportunidade para se destacar com tomates gourmet, mini-pimentões e morangos cultivados por meio do sistema semi-hidropônico.

“Trabalhando com produtos diferenciados agregamos valor e fixamos o próprio preço, além de ter uma baixa concorrência. A demanda é grande, por isso não temos interesse em voltar para as opções convencionais”, afirma o produtor Cristiano Krupa. A prova do sucesso é a comercialização mensal de 25 toneladas de morango, 20 toneladas de tomate e uma tonelada de mini-pimentões, volume destinado às principais redes supermercadistas do Paraná e de Santa Catarina.

Entre as variedades de tomates está a Romanita, que desde 2012 possui produção exclusiva no Paraná. O produto se diferencia principalmente pelo formato menor que o tradicional e sabor adocicado. Também são produzidos tomates holandês, grape e italiano bandejado, além de mini-pimentões coloridos que pesam 25 gramas, enquanto o tradicional é cerca de 400 gramas. Até o final de 2015, está previsto ainda o cultivo do pimentão bloc – que pesa 200 gramas –, vagem holandesa, tomate italiano a granel e ervilha.

Soluções naturais e segurança alimentar

Outro diferencial dos produtos Krupa é o sistema de rastreamento, que garante a procedência dos hortifrutis e assegura o baixo nível de resíduos químicos. Para atender a padrões rigorosos, Cristiano utiliza em sua propriedade soluções naturais da Alltech Crop Science, especializada em nutrição vegetal. “No caso do morango, por exemplo, reduzi 90% os problemas de mortalidade com produtos biológicos para manejo do solo como o Nem-Out e o Compost-Aid”.

De acordo com o gerente de hortifruti da Alltech Crop Science, Marcos Revoredo, a nutrição e o manejo adequado dos cultivos são essenciais para proporcionar a garantia de segurança alimentar. “No ramo de produtos selecionados e variedades especiais, é preciso aplicar soluções que tragam produtividade, performance, qualidade e segurança alimentar, com ausência ou pequenos índices de agrotóxicos”, explica.

Segundo Revoredo, a proposta é oferecer suplementação nutricional às plantas por meio de fertilizantes foliares de origem natural, desenvolvidos a partir da fermentação de leveduras derivadas da cana-de-açúcar. “Se a planta estiver protegida, consequentemente terá um desempenho melhor. E proporcionamos esse equilíbrio com produtos que não agridem o meio ambiente nem os consumidores”, avalia.

Fonte: Agrolink