Máquinas e Implementos Agrícolas

Sany estreia no mercado de equipamentos florestais

20/05/2014

Companhia Olsen de Tratores Agro Industrial – TMO adquire nove escavadeiras Sany para trabalhar no mercado de equipamentos florestais. Máquinas foram adaptadas e serão exibidas pela primeira vez na Expoforest 2014 que acontece de 21 a 23 de maio, em Mogi Guaçu (SP).

A Sany Indústria do Brasil fará sua estreia oficial no setor apresentando a SY135, escavadeira adaptada para o setor florestal durante a Expoforest 2014, que acontece de 21 a 23 de maio, em Mogi Guaçu (SP). A indústria está investindo na adaptação de equipamentos de fábrica para atender a demanda do mercado.

A empresa que acompanhou o projeto e fez a instalação dos implementos florestais nas escavadeiras da Sany foi a TMO, Companhia Olsen de Tratores Agro Industrial, de Santa Catarina, que adquiriu nove unidades modelo SY135, de 13 toneladas, cinco já entregues e outras quatro em fase final de produção na fábrica, em São José dos Campos/ SP. A Sany já tem planos para iniciar alterações nos modelos SY75 e SY215, de sete e 21 toneladas, respectivamente.

Rodrigo Chabchoul, diretor de engenharia da Sany, explica que a marca produz equipamentos com linha auxiliar onde podem ser adaptadas diversas peças, a depender da demanda. No caso da TMO, foi necessário fazer uma modificação no sistema hidráulico da máquina. “O setor florestal exige um sistema hidráulico com mais pressão e mais fluxo”, explica Chabchoul. Assim, o sistema da escavadeira foi adaptado para as duas bombas hidráulicas serem ativadas de maneira mais rápida.

“Estamos otimistas com a entrada no segmento florestal. O desempenho de nossas escavadeiras nos testes de campo foi bastante satisfatório e estamos prontos para a disputa com os concorrentes mais tradicionais”, enfatiza Yu Miao, diretor de vendas da Sany. “Temos muito a agradecer à TMO pela confiança em nosso equipamento e todo o suporte do seu time de engenharia no projeto da adaptação das escavadeiras”, completa.

O produto será apresentado ao público pela primeira vez na Expoforest. Além da modificação na parte hidráulica, os vidros foram substituídos por policarbonato para aumentar a segurança dos operadores e também foram instaladas telas de proteções inferiores reforçadas.

A esteira do material rodante também foi elevada para melhor aderência ao solo florestal e um chassi lateral foi construído para não amassar com a queda de árvores, fato comum nesse tipo de operação. Grades na cabine também foram instaladas para aumentar a segurança da operação.

Fonte: Agrolink