Pecuária

RS: Secretário Ernani Polo comemora investimentos no setor leiteiro gaúcho

20/10/2016

Os investimentos no setor leiteiro gaúcho, que vinham sendo acertados desde 2015 com a empresa francesa Lactalis se confirmaram nesta quinta-feira (20), em Paris, na França.  O governador José Ivo Sartori, o secretário da agricultura Ernani Polo e comitiva que integram missão a Europa, presenciaram o anúncio da empresa, através do presidente mundial do grupo, Daniel Jaouen, de investimentos da ordem de R$ 104 milhões em quatro unidades de leite no Rio Grande do Sul. Vão ser investidos R$ 44 milhões, em Teutônia,  também em uma fábrica de garrafas de plástico, R$ 20 milhões em Ijuí,  R$ 20 em três de maio e R$ 20 em  Santa Rosa.  Os investimentos vão ser realizados no prazo de 1 ano.

Os recursos serão direcionados  para produção de queijo, manteiga, requeijão, leite condensado entre outros produtos. A empresa também irá elaborar em solo gaúcho vários produtos de sua principal marca mundial que é “presidente”.  Além disso, haverá em Teutônia a construção de uma fábrica de garrafas plásticas para  envasar o leite. “A lactalis vai desenvolver uma nova cultura, que hoje é predominada  nas caixas Tetra Pak. Na Europa, 50% do leite é envasado em garrafas plásticas e isto é uma novidade para o RS”, ressalta o secretário Ernani Polo.

A empresa é considerada a maior captadora de leite do Rio Grande do Sul, cerca de 22% do total produzido.  Com estes investimentos, a lactalis será a maior base de captação e de produção de derivados de leite da empresa nas Américas.  Com essas ampliações a demanda por leite vai crescer significativamente,  o que é um fator positivo para os produtores.

O governador Sartori destacou que as tratativas iniciaram ainda em 2015 e são resultado concreto da missão. “O Rio Grande do Sul tem uma política forte de atração de investimentos e o anúncio é resultado de um trabalho sério e articulado para levar novos empreendimentos ao Estado”, disse o governador.

“Insistimos muito pelos investimentos mostrando à empresa que o lugar mais estratégico,  melhor para investir e crescer é o Rio Grande. Temos produtores com vocação na produção, solo e clima favoráveis, e na lógica de crescimento na empresa na América do sul, o nosso estado reúne as melhores condições e por isso essa  decisão foi tomada pela empresa. Os produtores também vão ser beneficiados com estes investimentos, com geração de emprego e renda. Estamos muito felizes por isso. Esses investimentos valorizam ainda mais e mostram a importância do setor agropecuário que vem produzindo bons resultados à economia gaúcha. Este é mais um resultado concreto da nossa missão, liderada pelo governador José Ivo Sartori e pelos colegas secretários Fabio Branco, do desenvolvimento e Carlos Burigo, secretário geral de governo”,  comemora o deputado e secretário da agricultura, Ernani Polo.

Também estiveram presentes na solenidade de anúncio, Guilherme Portela, diretor de relações institucionais da empresa para América Latina, Paulo Pires presidente da Fecoagro, o deputado estadual Frederico Antunes, Heitor Muller, presidente da FIERGS e demais lideranças.

Fonte: Secretaria da Agricultura do Rio Grande do Sul