Milho

RS: Agricultores da região de Ijuí registram bom rendimento de milho

28/01/2014

O rendimento do milho na região Norte do Estado na atual safra, neste momento da colheita, está praticamente o mesmo de safras anteriores em muitas lavouras, mesmo com a falta de chuva de dezembro passado. Na segunda-feira( 27) representantes do mencionado segmento estiveram na Rádio Progresso para falar sobre o tema.

Claudio de Jesus, presidente da Apromilho, também os agricultores Marcos Friedrich, de Ajuricaba; Ricardo Meneghetti, de Chiapetta; e Ari Joel Noronha, de Ijuí; comentaram sobre produtividade e ganhos para a rotação de cultura com o milho.

Ricardo Meneghetti disse que está colhendo cerca de 140 sacas de milho por hectare sem irrigação, visto que a cultura escapou da estiagem de dezembro por ter sido plantado mais no cedo. Em 2013, por exemplo, a cultura foi afetada pela geada o que reduziu o rendimento e aumentou o custo de produção devido à necessidade de replantio.

Já Marcos Friedrich frisou que nesse ano registra rendimento médio de 124 sacas por hectare, sendo que o ano passado ficou em 112 sacas. Ari Joel Noronha, por sua vez, disse que pretende fechar a safra de milho com 140 sacas por hectare, porém com maior custo de produção devido aos investimentos, ou seja, em mil, 850 reais por hectare.

O presidente da Associação dos Produtores de Milho do Estado, Claudio de Jesus, observou que na atual safra houve redução de oito a 10% no plantio do milho no Rio Grande do Sul, especialmente em razão do bom preço da soja.

Em áreas irrigadas ele acredita que a produtividade fique entre 180 e 200 sacas por hectare. Todos os entrevistados ressaltaram a importância do milho para rotação de culturas. Inclusive foi salientado que a soja plantada em lavouras onde havia milho geralmente tem desenvolvimento melhor. No entanto, os agricultores lembraram a necessidade de boas tecnologias em semente e adubação, além de escalonar o plantio do milho para escapar de faltas de chuva.

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí