Raças

Raças caninas de A – C

AFGHAN HOUND

O Afghan Hound é um cão de aparência nobre, elegante, forte, de expressão “oriental” e imponente. Como o próprio nome da raça sugere, o Afghan Hound é um galgo de origem afegã, descoberto pelo mundo ocidental no século XIX. Seu passado mais remoto, entretanto, é pouco conhecido.

As especulações sobre a origem da raça são muitas, e alguns acreditam que o Afghan Hound já existia no Egito há milhares de anos. Originalmente utilizado para a caça, os Afghan Hounds são versáteis, rápidos e muito ágeis. Sua cabeça é alongada, o stop é leve ou inexistente, e a mordedura deve ser em tesoura ou torquês. A trufa é preferencialmente preta, ou fígado, no caso dos exemplares de cores mais claras.

As orelhas do Afghan Hound são de inserção baixa, bem próximas à cabeça e cobertas por uma linda pelagem, longa, fina e sedosa. No focinho tem pelagem curta, e sobre a cabeça tem um lindo topete.

De grande porte, os Afghan Hounds machos devem medir entre 68 cm. e 74 cm., na altura da cernelha. Já a altura das fêmeas deve ficar entre os 63 cm. e os 69 cm.

AIREDALE TERRIER

Um cão de pêlo duro e sub-pêlo oleoso, excelente para caça na água, pois seu pelo é praticamente impermeável e resistente ao frio. Dotado de um olfato apuradíssimo, ele foi desenvolvido para caçar nútrias dentro da sua toca, que se localizavam às margens dos rios. São cães de tamanho médio, expressão atenta e movimentos muito ágeis e precisos.

A altura varia de 58,5 à 61cm. na altura da cernelha para os machos, e de 50 à 58,5cm nas fêmeas e o peso é, em média, de 20 kg.


AKITA INU

A raça é originária do Japão. Sua função original era a caça e posteriormente chegou a ser usado para rinhas. Hoje o governo proíbe sua utilização em rinhas e procura manter a sua integridade.

Trata-se de um excelente cão de guarda e um ótimo companheiro, de caráter dócil e afetuoso com a sua família. No entanto, é bastante reservado com estranhos e não faz novas amizades com facilidade.

O Akita é um cão muito inteligente, tem um andar enérgico e é bastante imponente. Possui pêlo duro, nem longo e nem curto. A pelagem exterior é dura e reta, e possui um sub-pêlo macio e abundante. A garupa e a cernelha são revestidas com um pêlo ligeiramente mais longo que o do resto do corpo. As cores são o vermelho fulvo, o sésamo (pêlos vermelhos com pontas pretas), o tigrado e o branco.

O tamanho dos machos é de 67cm, e das fêmeas é de 61cm na altura da cernelha, com tolerância de 3cm para mais, ou para menos, desde que o exemplar tenha uma boa forma geral.
AMERICAN PITBULL

O American Pit Bull Terrier é um cão de porte médio, de constituição sólida, pelagem curta, com uma musculatura bem definida. Se apresenta em todas as cores e marcações, combina resistência e atleticidade com graça e agilidade.

Foi desenvolvido para o combate, e suas principais características são a auto-confiança, a agilidade e a sua incrível resistência.

 São extremamente fiéis e apegados ao seu dono.

Ao contrário do que muitos pensam, o American Pit Bull Terrier é bastante amigável com os seres humanos. É incrível seu carinho com as crianças, e sua docilidade até mesmo com pessoas estranhas, o que não torna a raça a mais indicada para guarda de propriedade.
BEAGLE

Trata-se de uma raça muito antiga. O Beagle é o menor dos sabujos da Grã-Bretanha. Apesar de serem pequenos, são cães muito ágeis, utilizados para caçar coelhos por serem excelentes farejadores.

O temperamento do beagle é bastante equilibrado, não apresenta agressividade, nem timidez.

 É alegre, ativo, corajoso e inteligente. Sua função principal é a caça à lebre. Seu pelo é liso, denso, nem muito curto, nem muito fino. Qualquer cor é admitida, à excessão da cor fígado.

A altura do beagle fica entre os 33 cm e os 40 cm, medidos na altura da cernelha.
BASSETHOUND

Trata-se de uma raça recente. Foi trazida da Inglaterra no século XVII. Sua apresentação oficial, foi no ano de 1883, quando foi reconhecida pelo Kenel Clube Britânico. Havia muita divergência entre os criadores que desejavam acentuar qualidades estéticas, ou realçar algumas características de cão de caça. Este conflito, influiu na popularização da raça. O Basset Hound só se tornou popular quando introduzido nos Estados Unidos.

É um excelente farejador, de temperamento calmo e amável. É extremamente manso, apegado ao dono e carinhoso. Muito resistente no trabalho de campo, o Basset Hound é capaz de fazer grandes caminhadas.

 Acostumado a viver em matilha, não é um cão agitado, agressivo, ou tímido. Gosta de uma boa soneca e não necessita de grandes doses diárias de exercício. Pequenas caminhadas são suficientes para não torná-lo um cão obeso.

É uma raça de pernas curtas, e a sua ossatura é mais pesada em relação a altura, do que qualquer outra raça. O tamanho máximo do Basset Hound, medido na altura da cernelha é de 35 cm. O pêlo é curto, liso, áspero e aderente, denso o suficiente para suportar qualquer condição climática. Todas as cores características dos hounds são aceitas. Sua pele é frouxa e elástica.
BICHON FRISÉ

De origem francesa, o Bichon Frisé é um simpático cão de pequeno porte, alegre, festivo e dócil. É bastante ativo, gosta de brincar e precisa exercitar-se regularmente.

De andadura leve, o Bichon Frisé tem um focinho médio e uma bela pelagem longa e cacheada. Seu pêlo cresce continuamente, necessitando tosa regular. As bordas dos olhos e as pálpebras são escuras, os olhos são de forma arredondada, de olhar muito vivaz.

As orelhas caídas são bem guarnecidas, e também apresentam pelagem longa e cacheada. A cauda é levada alta, e sua pelagem é fina, sedosa, com aprox. 7-10 cm. A altura máxima desejada para o Bichón Frisé é de 30 cm.
BOXER

Nesta raça, a harmonia das formas não está separada de múltiplos dotes de inteligência e caráter. Um lindo cão de trabalho e exposição, o Boxer tornou-se muito popular nas últimas décadas, em grande parte por seu notável valor, tanto em tarefas de defesa, como de proteção.

De origem alemã, o Boxer é um cão de tamanho médio e pêlo raso e robusto. De estrutura curta, quadrada e ossos fortes, o Boxer movimenta-se com vivacidade, força e nobreza. Sua pelagem é curta, reluzente, muito aderente, amarela ou tigrada. Seus olhos são castanhos, e as orelhas implantadas altas, amputadas em ponta, discretamente longas.

 O caráter do Boxer é um fator muito importante. O cão deve ser fiel ao dono e a à casa inteira, vigilante, sempre alerta e desconfiado com estranhos.

Em família é inofensivo, tem temperamento sereno e afetuoso durante as brincadeiras.

É de adestramento fácil, e é muito leal, sem falsidade ou malícia, nem sequer na idade avançada.

Os machos medem de 57 a 63 cm., na altura da cernelha, e as fêmeas, de 53 a 59 cm. O peso deve estar de acordo com a altura do cão, ficando, em média, de 28 kg. a 30 kg.
BULLDOG

O Bulldog é um cão inteligente, e muito doce com a sua família. Gosta de companhia, é afetuoso e brincalhão.É um cão valente, leal, corajoso, mas não é agressivo, a menos que seja agredido abertamente.Fortes e resistentes, os Buldogues são excelentes companheiros, calmos e de fácil trato. Sua pelagem é curta, fina e densa. As fêmeas são normalmente, menos desenvolvidas do que os machos.

O peso da raça varia entre 24 e 25 Kg para os machos, e entre 22 e 23 Kg para as fêmeas.
BULLMASTIFF

Com a finalidade de obter tudo o que se pode desejar de um cão de guarda, criadores britânicos decidiram somar aos dotes do mastiff inglês algumas características de outras raças de grande porte.

A nova raça, obtida provavelmente do cruzamento do mastiff inglês com o bulldog, foi reconhecida oficialmente em 1924.

 O bullmastiff é um excelente cão de guarda, apreciado em todo o mundo. Ao mesmo tempo, é uma raça muito dócil com os famliares e com as crianças, demonstra fidelidade e equilíbrio.

 O temperamento do bullmastiff é uma mistura de alegria, seriedade, atividade, resistência e vigilância.

  O focinho do bullmastiff é curto, a mandíbula é larga, com mordedura preferencialmente em torquês. No entanto, é admitido um leve prognatismo inferior.

 Os olhos são escuros, ou avelã, de tamanho médio. A pelagem do bullmastiff é curta e dura, bem assentada ao corpo. A raça apresenta uma típica máscara preta, assim como tons mais escuros próximos aos olhos, que são contornados de preto. Qualquer tonalidade de tigrado, fulvo ou vermelho é admitida para a raça.

 A altura do bullmastiff varia de 63,5 a 68,5 cm para os machos, e entre 61 e 66 cm para as fêmeas, medidos sempre na altura da cernelha. O peso da raça varia de 50 a 59 kg para os machos, enquanto as fêmeas tem peso entre 41 e 50 kg.

  
BULL TERRIER

 As características do Bull Terrier, tal qual o conhecemos hoje, foram fixadas a mais ou menos um século, e em sua origem, encontramos muito do Bulldog Inglês, que foi criado para lutar contra touros, em exibições públicas.

 Alguns criadores, buscando exemplares mais ágeis, e lutadores imbatíveis, cruzaram o Bulldog com o antigo Terrier Inglês Branco, muito difundido na época. Os primeiros exemplares mostraram-se muito volumosos, e diferentes entre sí. Mais tarde, através de cruzamentos com o Dálmata e terriers ingleses brancos, o Bull Terrier tornou-se o cão ágil e forte que conhecemos hoje.

 O Bull também foi usado para caçar ratos, e hoje em dia é um grande guarda e um ótimo companheiro.

 É um cão de constituição sólida, ativo, simétrico, de expressão profunda, decidida. Obediente e tolerante frente à disciplina.

 Os olhos são fundos, pequenos, amendoados, o mais escuros possível, de olhar penetrantes. As orelhas são eretas, finas, próximas entre si.

 A cauda não é muito curta, de inserção não muito alta. A pelagem é curta, compacta, reluzente, um pouco dura ao tato.
CHIHUAHUA

 É uma das pocas raças caninas autóctones do continente americano. Apesar das suas dimensões redusidíssimas, o Chihuahua possui uma natureza forte e caça em forma insuperável pequenos roedores. Ë classificado como cão de salão e de luxo, e possui toda a graça travessa do terrier.

 Como cão de guarda está sempre alerta. É extremamente fiel ao seu dono. Talvez seja a menor raça que existe. Não são raros os exemplares adultos que pesam menos de 1 kg.

 Hoje em dia, é criado também em países de clima mais rigoroso com muito sucesso, mas a origem da raça é mexicana.A característica mais notável desta raça, entre todas as demais, é sem dúvida, o seu minúsculo tamanho.

  Há exemplares que pesam de 900 gr. à 3,5 kg.mas o peso médio é de 1,5kg. O seu corpo é enxuto, está sempre alerta, é vivaz, ágil e muito inteligente.

 Valente, é capaz de, corajosamente, enfrntar a cães maiores. É muito afetuoso com o dono mas não tolera com facilidade os desconhecidos. Late furiosamente e dá o alarme ante o menor movimento suspeito.

 Os olhos são muito brilhantes e cheios. As orelhas são grandes e bem separadas entre si. Em estado de alerta mantém-se eretas.

 A pelagem do Chihuahua pode ser longa e ondulada (em exemplares mais raros), ou curta aderente e brilhante, na maioria dos exemplares.

 
CHOW CHOW

 Esta esplêndida raça, conhecida como Spitz Chinês em alguns países, está sendo muito difundido em todo o mundo.

 O seu porte nobre e vistoso, sua beleza indiscutível e sua pelagem exuberante, de cor singular provocam inevitavelmente a admiração de todo o público.

 O Chow-chow é muito versátil, sendo utilizado em muitas funções com sucesso. É um valente guardião e defensor da casa, é ótimo guarda de barcos, é ótimo caçador de presas selvagens, além de um incansável cão de tração.

 É um cão equilibrado, de aspecto leonino, de porte orgulhoso e digno, leal mas reservado. É ágil, compacto, curto e harmonioso em seu conjunto.  Tem um nariz grande e preto, seus olhos são escuros e pequenos, preferencialmente amendoados.

 As orelhas do Chow-chow são, pequenas, grossas e bem separadas entre si. Seu peito é amplo e profundo, seu dorso é curto, reto, forte e a cauda implantada alta, levada bem dobrada, apoiada na garupa.

 A pelagem do Chow Chow é abundante, espessa, lisa reta, um pouco dura ao tato, com sub-pêlo suave e lanoso. Segundo o padrão da raça, a variedade de pêlo curto, com excessão da pelagem, é idêntica.

 A altura mínima para a raça é de, cerca de, 45 cm., entretanto o a característica primordial do exemplar deve ser a harmonia do conjunto.
COCKER AMERICANO

 Obtido nos Estados Unidos através de cuidadosas seleções realizadas com o Cocker Spaniel Inglês, a variedade norte-americana diferencia-se principalmente por algumas características como estatura, coloração da pelagem, orelhas, etc.

 A popularidade da raça é notável. Trata-se de um cão afetuoso e muito fiel. O Cocker Americano adapta-se muito bem a vida em família, motivo que o tornou ainda mais conhecido como cão de companhia que o Cocker Inglês. No campo, o Cocker Americano mostra-se excelente caçador, resistente, ágil, veloz e sempre incansável na busca.

 É um cão de aspecto agradável, vivo e alegre, robusto e equilibrado em todas as partes.

 Quando está em ação, deve demonstrar aptidões para o trabalho, sem desequilíbrio no comportamento, nem timidez.

 Seus olhos são redondos e cheios, suas orelhas lobulares, tem inserção baixa, coberta com pêlos longos, e sedosos, lisos ou ondulados. Quando o cão está em atividade, o movimento da cauda é incessante.

 A pelagem na cabeça é curta e no corpo aderente e levemente ondulado, nunca encacheado, de textura sedosa e comprimento médio.

 A altura do Cocker Americano é, em média, de 38 cm. na altura da cernelha, para os machos, e de 35,5 para as fêmeas.

 
COCKER INGLÊS

 Os Spaniels atuais provêm diretamente das ilhas britânicas, mas descendem dos épagneuls que, levados a elas em tempos longínquos, sofreram importantes modificações através de seleções cuidadosas e complexas.

 Entre os spaniels mais conhecidos, está o Cocker, cujo tipo moderno se originou em Gales e Denvonshire, diferencioando-se claramente do primitivo, que era um pouco parecido com o springer atual.

 É um exímio caçador, usado originalmente para caça de aves, e é, devido ao seu pequeno porte, capaz de mover-se com desembaraço em terrenos de vegetação mais densa, intransitável para os cães de aponte. Dotado de excelente olfato, descobre a presa e a levanta, mantendo-se sempre a curta distância do dono. É alegre, robusto e esportivo. O Cocker Spaniel é bem equilibrado, compacto. O nariz é largo, os olhos são grandes, escuros e expressam inteligência e doçura. As orelhas, de forma lobular tem inserção baixa, na altura dos olhos, e é coberta com pêlos lisos e sedosos. Sua cauda prolonga a linha dorsal, e tem porte brincalhão. A pelagem do Cocker é lisa, de textura sedosa, nunca dura nem ondulada, com franjas de comprimento suficiente; nunca deve ser muito abundante, nem crespo.

 As cores admitidas são muitas. Nos unicolores o branco é aceito somente no peito.

 A altura de um Cocker é, em média de 40 cm. para os machos e 38,5 cm. para as fêmeas. O peso fica entre os 12 e 14,5 kg. 
COLLIE

 Uma das principais características do Collie é a inteligência, que aliada ao seu dote físico, lhe permite desenvolver não só tarefas que lhe são próprias, isto é, as de cão pastor, mas também as de adestramento policial, guarda, caça e obediência.

 A estrutura física do Collie expressa força e agilidade. Conquista imediatamente como cão de grande beleza, demonstrando dignidade e nobreza, com cada zona do seu corpo bem proporcionada ao conjunto. A altura varia de 56 cm. a 61 cm. para os machos; de 51 cm. a 56 cm. para as fêmeas, medidos na altura da cernelha. O peso pode variar de 18 a 29 kg.

 A pelagem confere harmonia à forma do cão. Na variedade de pêlo longo (Rough Collie), a pelagem é muito densa, tem cobertura áspera e subpêlo suave e compacto, quase ocultando a pele. A coloração admitida inclui três tons: marta e branco, tricolor e azul merle.

Fonte: http://www.guiaderacas.com/index.shtml