Raças caprinas produtoras de Leite

A cabra foi um dos primeiros animais a serem domesticados há cerca de 10.000 anos na Ásia ocidental sendo mencionada mais de 150 vezes no velho testamento. Inúmeros povos co mo os gregos e romanos, incluíram a cabra em suas mitologias permanecendo até os dias atuais como um dos símbolos do zodíaco (capricórnio é o 10º símbolo do zodíaco). As cabras leiteiras não são tão numerosas quanto o gado de leite, embora tenha se difundido por todo o planeta. Sua grande vantagem esta na sua fácil adaptação a diversas variações climáticas, a exigência de menor espaço além de uma alimentação menos especializada (quando comparada com a vaca), o resultado final é a produção de um leite de igual valor nutricional que o leite de vaca mantendo algumas particularidades próprias.
Dentre tantas raças com aptidão leiteira, a Saanen é uma delas. Trata-se de um animal corpulento e elevada aptidão leiteira, considerada uma das melhores produtoras de leite. Sua produção após o parto pode chegar a 4 litros diários num período de lactação de 10 meses (com registros de até 10 litros diários). Sua pelagem é de cor clara tendendo para o branco-creme e de pêlo curto. Um outro atributo de grande relevância é sua capacidade de adaptação, apesar de não ser uma cabra de elevada rusticidade, habitua-se bem ao regime de pastoreio.
O Brasil dispõe de 15 milhões de cabeças de caprinos, concentradas principalmente na Região Nordeste do país. A produção leiteira cresce ano a ano e demonstra ser de grande interesse para alimentação humana, contribuindo na nutrição de camadas mais carentes além de fomentar o surgimento de novos negócios ligado a agroindústria.

Fonte: http://tecnicoemagropecuaria.blogspot.com/2008/10/raas-caprinas-produtoras-de-leite_20.html
http://www.queijosnobrasil.com.br/