Raças

Raça Guzerá

A origem dessa raça confunde-se com a origem da humanidade, pois foram encontrados selos impressos em cerâmica e em terracota em Mohenjo-Daro, Harappa e peças diversas nas regiões da antiga Assíria e Mesopotâmia. É conhecida na Índia pelo nome de Kankrej. É tão importante que sua efígie é distintivo do Ministério da Agricultura na Índia.

A raça Guzerá é originária da região da Ahmadabadh, Kaira, Baroda, Nariad, Pij, entre outras, no Estado de Gujarat, no centro da Costa Oriental da Índia, e, geralmente, integrada por animais de grande porte, bons produtores de carne e leite. A raça destaca-se principalmente pelo seu porte imponente, cabeça alta e chifres grandes em forma de lira.

A pelagem varia do cinza claro ao escuro, podendo ser branca nas fêmeas. A habilidade materna e a boa produção de leite das vacas garantem o bom desenvolvimento dos bezerros na fase do aleitamento.

Outra característica da raça Guzerá é sua fertilidade, conseguindo reproduzir-se mesmo em condições adversas, motivo pelo qual participou da formação de novas raças (Indubrasil, Pitangueiras, Guzolando, Brahman, Lavínia, etc), assim como, do cruzamento terminal com outras raças bovinas.

A raça chegou ao Brasil em 1870m, trazido pelo Barão de Duas Barras. O Herd-Book foi implantado em 1938, sendo os dois primeiros animais registrados de propriedade do governo federal. Atualmente, tem sido utilizada a cobertura sobre vacas leiteiras mestiças, gerando fêmeas com boa produção de leite e machos com boas características para produção de carne.

Fonte:  http://www.ourofino.com/saude-animal/ruminantes/guia-de-racas/letra-g.html