Raças

Raça Chianina

A raça Chianina é talvez a mais antiga da Itália e, certamente, é a de maior porte no mundo,tendo recorde de peso para touro de 1.740 kg. Sua origem é o vale de Chiana, na Toscana, por volta de 1.500 a.C.. Era a raça preferida pelos romanos para oferecimento aos deuses, durante o apogeu do império romano.

O livro genealógico foi iniciado em 1956, mesmo ano em que se deu a introdução da raça no Brasil. No mundo, a raça está presente nos mais avançados centros de criação.

Nos EUA foram formados diversos bimestiços destacando-se entre eles, o Chiangus que, em 1983, havia conquistado mais campeonatos que a maioria das raças de corte nos últimos 100 anos e, em 1986, aproximadamente 90% dos campeões cruzados eram Chiangus.

A raça Chianina tinha, antigamente, como atrativo milenar servir como animal de trabalho, função hoje sem expressão. Por esse motivo, o método de melhoramento zootécnico, divulgado em 1923, visava ao aumento de carne, em detrimento de características para trabalho. Buscou-se redução dos membros, maior desenvolvimento do tronco e musculosidade da garupa, coxas e culote, o que tornou o animal mais largo, longo e musculoso.

As características da raça são pêlo branco-porcelana, pigmentação preta da pele e das mucosas, conferindo adaptabilidade ao clima tropical.

A partir de 1985, a associação de criadores na Itália iniciou teste de desempenho, no qual os tourinhos apresentavam média de ganho de peso de 1.770 gramas, com animais passando dos 2.000 gramas/dia. O rendimento de carcaça é da ordem de 64%.

Fonte: http://www.ourofino.com/saude-animal/ruminantes/guia-de-racas/letra-c.html