Tire suas Duvidas

Quais as pragas mais frequentes na cultura de seringueira?

As pragas mais freqüentes na cultura de seringueira são: percevejo de renda (Leptopharsa heve) e ácaros, subdivididos em microácaro Calacarus heveae e ácaro-vermelho
(Tenuipalpus heveae).

Segundo o doutor Marcel Tanzini, professor da Esalq/USP, a seringueira apresenta uma grande diversidade de espécies de ácaros, com grande número de espécies predadoras de ácaros fitófagos. Além disso, há a ocorrência natural de fungos patogênicos que podem atacar e matar as espécies que danificam a seringueira.

Já os ovos do percevejo de renda podem ser parasitados e destruídos por uma pequena vespinha. Como a cultura ainda não é alvo de pulverizações intensas para o controle de pragas e doenças, esse ecossistema tem sido preservado.

O percevejo de renda pode ocorrer a partir do re-enfolhamento das plantas, apresentando acentuado crescimento populacional a partir daí, o qual é favorecido pela presença de umidade no ambiente. Grandes populações podem ser observadas nos meses de janeiro e fevereiro.

Fonte: agr.feis.unesp.br