Pecuária

Produtores exigem “preços mínimos” no leite

Hugo Mamede
15 de Fevereiro – 2011

Cerca de uma centena de agricultores aprovaram uma resolução para a fixação de “preços mínimos” na produção de leite, revelou a Agência Financeira.

A resolução foi tomada no II Encontro Nacional de Produtores de Leite e Carne

Em causa está a dúvida da manutenção de “algum lucro” por parte dos produtores que por isso exigem ao Governo, através de um documento endereçado ao Governo Civil de Braga, que sejam tomadas “medidas fundamentais para a sobrevivência do setor”, nomeadamente que o “Observatório de Mercados Agrícolas produza uma tabela mínima de preços à produção, de forma a regular efetivamente o mercado”.

As principais exigências inscritas na resolução ditam uma “regulamentação efetiva dos mercados, de forma a garantir alguma margem de lucro do lado da produção”, e que o Governo “exija veementemente da Comissão Europeia a manutenção do sistema de quotas de produção nacional de leite”.

O diretor da Associação Nacional de Produtores de Leite e Carne (ANPLC), José Lobato, informou querer “chamar a atenção do Governo e exigir medidas que nos ajudem a ultrapassar as dificuldades”, já que o setor da produção de leite e carne está em “quase falência [porque] os custos são cada vez maiores e o preço pago ao produtor é cada vez menor”, referiu.

Fonte: http://www.vidarural.pt/news.aspx?menuid=8&eid=5643&bl=1&page=3