biblioteca

Produtores de fumo terão acesso irrestrito ao crédito rural, comemora Blairo Maggi

Publicado em 29/08/2016

Com a medida, o governo atende a uma das principais reivindicações da fumicultura brasileira

Ao participar neste sábado (27) da abertura oficial da 39ª Expointer, em Esteio (RS), o ministro Blairo Maggi (Agricultura Pecuária e Abastecimento) voltou a defender o fortalecimento do agronegócio como forma de o Brasil sair mais rapidamente da crise. Por isso, reforçou, é necessário apoiar o setor.

Blairo também comemorou a decisão do governo de dar aos produtores de fumo, a partir de agora, as mesmas condições de acesso ao crédito rural que dos demais agricultores. A medida foi anunciada pelo ministro chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, que representou o presidente em exercício, Michel Temer, na Expointer.

Em junho passado, quando visitou os fumicultores do Rio Grande do Sul, o ministro da Agricultura recebeu várias reivindicações do setor. A principal delas era a de que os produtores tivessem direito ao financiamento público como os demais setores da agricultura.

Hoje, mais de 200 mil produtores vivem exclusivamente da cultura do fumo nos estados do Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina. O setor movimenta cerca de R$ 15 bilhões no Brasil. O país exporta mais de 80% de sua produção.

Outro anúncio feito pelo ministro Padilha, durante a abertura da Expointer, foi o de que o presidente Temer estuda três alternativas para a recriação do Ministério do Desenvolvimento Agrário. Uma dé de que o ministério seja vinculado ao Mapa, como forma de fortalecer a industrialização do setor.

As outras duas opções são estas: a manutenção da vinculação com o Ministério do Desenvolvimento Social ou a autonomia completa do novo ministério.

Fonte: Mapa