Pecuária

Preço pago ao produtor de leite registrou a sexta alta consecutiva

08/06/2016

A concorrência entre os laticínios mantém firme os preços do leite no mercado interno. O preço pago ao produtor registrou a sexta alta consecutiva.

Considerando a média nacional, no pagamento de maio, referente ao leite entregue em abril, o produtor recebeu, em média, R$1,061 por litro de leite, segundo levantamento da Scot Consultoria.

Houve alta de 1,8% em relação ao pagamento anterior. Em relação ao mesmo período do ano passado, o aumento é de 14,2%, em valores nominais.

Segundo o Índice Scot Consultoria para a Captação de Leite, em abril o volume de leite diminuiu 2,7% frente ao mês anterior (média nacional). A produção caiu em todos os estados pesquisados, com o agravante do clima e alimentação concentrada cara.

Para maio, os dados parciais apontam para queda de 0,2% na produção brasileira, já com o peso da produção retomando no Sul do país e abertura de silos no Brasil Central e região Sudeste.

Para o pagamento de junho (produção de maio), 70,0% dos laticínios pesquisados acreditam em alta dos preços ao produtor e os 30,0% restantes falam em manutenção.

Fonte: Scot Consultoria