Suinos

Preço de suínos sobe em junho e recupera perdas de semanas anteriores

Publicado em 11/06/2015

 

Os preços do suíno vivo e da carne se recuperaram neste início de junho na maioria das regiões acompanhadas pelo Cepea, depois de terem registrado os menores patamares do ano na virada de abril para maio. Segundo pesquisadores do Cepea, o impulso vem das demandas interna e externa aquecidas e da menor oferta. Com as margens muito apertadas nos últimos meses, suinocultores limitaram o volume ofertado.

As quedas nas cotações dos principais insumos utilizados na atividade (milho e farelo de soja), por sua vez, contribuíram para que produtores “segurassem” os animais nas granjas, além de favorecer a relação de troca. Segundo colaboradores do Cepea, as vendas de carne suína no início deste mês, reforçadas pelo feriado da última quinta-feira, foram boas e estimulam varejistas a reporem seus estoques mesmo neste período de meados de mês. Vale destacar que, em maio, foi registrado o maior volume de carne suína in natura exportado neste ano, o que ajuda a enxugar a oferta interna e dá mais força à recuperação dos preços ao produtor.

Fonte: Cepea