Pecuária

PR: Produtores de leite são beneficiados com doação de implementos agrícolas

14/01/2014

O município de Umuarama deu mais um passo na meta de aumentar a produção e melhorar a qualidade do leite, o que proporcionará a elevação da renda e da qualidade de vida dos pequenos produtores. Na segunda-feira (13.01), o prefeito Moacir Silva, o secretário Antonio Favaro (Agricultura e Meio Ambiente) e representantes da Seab (Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento), Emater, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, entregaram implementos agrícolas adquiridos por pouco mais de R$ 100 mil, que vão beneficiar cerca de 30 pequenos criadores de gado de leite.

Além de gerar mais receita no campo com o aumento da produção, os implementos – três conjuntos de resfriadores e forrageiras – vão ajudar a movimentar o setor de insumos e equipamentos agropecuários, usados no processo produtivo, e no final do ciclo estimular também o comércio em geral, com mais consumidores bem remunerados, na avaliação do prefeito Moacir Silva.

“Os benefícios possibilitados pelo crescimento da produção não ficam por aí. Com o apoio do Estado e os programas lançados pela nossa Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente, como o Pró-Leite, estamos preparando Umuarama para receber um laticínio, agroindústrias e a cooperativa dos produtores de leite. Bem organizado, o setor só tem a crescer e se fortalecer, melhorando a vida de todos os produtores e gerando mais divisas para a cidade”, acrescentou o prefeito.

O secretário Favaro destacou o apoio do Estado, assegurando parte dos recursos para a aquisição dos implementos – o restante foi contrapartida da prefeitura – e disse que, com as políticas integradas, Umuarama vai se tornar referência na produção leiteira do Paraná. “O município tem cerca de 500 pequenos produtores e a Prefeitura mantém diversos programas e ações que os apoiam visando melhorar a produtividade. Os passos definidos pelo programa Pró-leite, por exemplo, são bem específicos – aumento da produção, organização dos produtores e depois a criação da cooperativa, a exemplo da bem-sucedida Cooperu, que reúne os pequenos produtores rurais e já foi premiada em nível estadual”, afirmou.

O convênio entre o governo do Estado, através da Seab, e o município – dentro do Programa de Apoio à Modernização da Pecuária Leiteira – permitiu a entrega dos três resfriadores, três forrageiras que funcionam acopladas a tratores e 250 análises de leite. Além disso, prevê ainda o repasse de materiais para a construção das casinhas que vão abrigar os resfriadores de uso comunitário (várias produtores poderão armazenar o leite até o embarque para o envase e demais fins da produção).

Números

Com as sobras da aquisição dos implementos, a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente de Umuarama deve adquirir mais duas forrageiras nos próximos meses, aumentando o número de produtores atendidos com o incentivo. O chefe regional da Seab, José Antonio de Andrade Duarte, disse que com esse repasse, o governo do Estado atingiu a marca de R$ 1 milhão investido apenas em produtores de leite na região. “Umuarama produz 66 mil litros/ dia e com isso gera uma renda anual de R$ 2 milhões. Em todo o Noroeste, são 356 milhões de litros de leite/ ano e a nossa região é a que tem conseguido o maior aumento na produção, respondendo por 25% do Estado. O Paraná é o terceiro maior produtor de leite do país”, acrescentou Duarte.

Por fim, o prefeito Moacir Silva agradeceu a parceria do Estado e o apoio dos parlamentares que representam Umuarama, bem como das instituições financeiras que “auxiliam diretamente os produtores, e lembrou que desde o início de sua primeira gestão, mais de 2 mil pessoas voltaram para o campo”.

Fonte: Umuarama Ilustrado