Custo de Produção

Unica estima produção de açúcar do centro-sul em 15/16 em 31,8 mi t

Publicado em 21/05/2015

SÃO PAULO (Reuters) – O centro-sul do Brasil produzirá 31,8 milhões de toneladas de açúcar na temporada 2015/16, queda de 0,6 por cento ante o ciclo anterior, enquanto a produção de etanol será recorde, com um tempo mais favorável para os canaviais em relação à safra passada, previu nesta quinta-feira a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica).

A produção de etanol terá aumento de 4,3 por cento, atingindo 27,28 bilhões de litros, superando a marca histórica da safra passada, com usinas destinando mais cana para a produção do biocombustível, de acordo com a primeira projeção da Unica para a temporada iniciada oficialmente em 1º de abril.

A moagem de cana do centro-sul, que tem respondido nos últimos anos por aproximadamente 90 por cento da produção de cana do Brasil, deverá somar 590 milhões de toneladas, alta de 3,3 por cento ante a fraca safra passada, atingida em 2014 por uma seca praticamente sem precedentes em Estados como São Paulo e Minas Gerais.

Esse aumento da moagem decorre especialmente da expectativa de maior produtividade agrícola da lavoura a ser colhida na safra 2015/2016, devido a melhora nas condições climáticas, apesar dos baixos investimentos feitos nos canaviais por um setor, de maneira geral, abalado por problemas financeiros.

“A retração na renovação dos canaviais no último ano e o consequente envelhecimento da lavoura devem ser mascarados pelo regime hídrico mais adequado ao crescimento da planta observado no início de 2015”, disse o diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues, em comunicado.

De fato, a expectativa é de que ocorra um aumento na produtividade da lavoura neste ano, disse a Unica, mas o número final estimado para a safra ainda vai depender do índice de precipitação dos próximos meses, ponderou Padua.

Com um endividamento crescente e uma fraca remuneração obtida com a venda de açúcar e etanol nos últimos anos, dez usinas deixarão de operar na atual temporada, totalizando 90 unidades paradas na região desde 2008, segundo o diretor.

MOAGEM

A moagem de cana e a produção de açúcar e etanol do centro-sul na primeira quinzena de maio da safra 2015/16 recuaram fortemente ante o mesmo período da temporada anterior, apontaram dados da Unica nesta quinta-feira.

A produção de etanol do centro-sul na primeira parte do mês somou 1,3 bilhão de litros, queda de 18,3 por cento ante mesmo período da safra 14/15. Já a produção de açúcar atingiu 1,24 milhão de toneladas, recuo de 35 por cento na comparação anual.

Isso resultou em uma queda na produção de açúcar e etanol no acumulado da safra.

A produção de açúcar do centro-sul do Brasil, maior produtor e exportador global, somou 2,85 milhões de toneladas até 15 de maio (-16,5 por cento na comparação anual), enquanto a produção de etanol atingiu 3,2 bilhões de litros (-1,7 por cento).

 (Por Marcelo Teixeira)

Fonte: Reuters