Sanitário

MP denuncia mais 21 pessoas por adulteração de leite em SC

06/11/14 – 14:34
O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) apresentou, na segunda-feira (036/11), denúncia contra 21 pessoas ligadas às empresas Laticínios Cordilat Ltda. (SC Foods S/A); Laticínios São Bernardino Ltda.; Laticínios Santa Terezinha Ltda.; Transportadora Gris Ltda.; Transportadora Douglas Ltda.; GD Transportes Ltda.; Agro Estrela Ltda. – ME; Laticínios Oeste Lat Ltda. EPP; Cooperativa dos Produtores de Leite de Formosa do Sul – Coopleforsul; Cooperativa MilkFor e Laticínios Master Milk Ltda. (Jairo Aschidamini Ltda).

Os denunciados são suspeitos de integrar organização criminosa especializada na adulteração de leite bovino destinado ao consumo humano, praticar crimes de falsidade ideológica e crimes contra o consumidor. Os crimes são semelhantes aos denunciados pelo MPSC em agosto nas Operações Leite Adulterado I e II.

Desta vez foi constatado que eles adicionavam substâncias químicas para mascarar a qualidade do produto distribuído, eliminar perdas, causando a diminuição de seu valor nutricional e tornando-o nocivo à saúde.