Milho: Após altas recentes, mercado passa por correção técnica e exibe leves quedas na manhã desta 3ª na CBOT

Couleur (CC0), Pixabay

Publicado em 25/09/2018

Depois das recentes altas, os preços do milho negociados na Bolsa de Chicago (CBOT) iniciaram o pregão desta terça-feira (25) do lado negativo da tabela. As principais posições da commodity exibiam perdas entre 0,75 e 1,25 pontos, por volta das 8h08 (horário de Brasília). O vencimento dezembro/18 era cotado a US$ 3,59 por bushel, enquanto o março/19 trabalhava a US$ 3,71 por bushel.

Segundo informações das agências internacionais, os preços esboçam uma correção técnica frente aos ganhos recentes e depois de ter tocado o melhor nível em um mês no dia anterior. A demanda pelo cereal norte-americano tem sido um dos principais fatores de sustentação aos preços.

Por outro lado, as atenções dos investidores também permanecem voltadas ao andamento da colheita nos Estados Unidos e ao clima também. Ainda ontem, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) informou que cerca de 16% da área cultivada nesta temporada já havia sido colhida até o último domingo.

Na semana anterior, o índice estava em 9%. Já no mesmo período do ano anterior, o percentual era colhido estava em 10% e a média dos últimos cinco anos é de 11%.

Veja como fechou o mercado nesta segunda-feira:

>> Milho: Mercado sobe nesta 2ª feira e toca nível mais alto em um mês na CBOT com suporte da demanda

Por: Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas