Pecuária

Leite: Preços registram, em junho, terceiro mês consecutivo de alta e tem R$ 0,92/litro; tendência é de mercado firme

Publicado em 02/06/2015

 

O preço do leite recebido pelo produtor teve alta de 1,6% em maio, foi o terceiro mês consecutivo de valorização nos preços, com acumulado de 5% no trimestre. Na média nacional o litro do leite fechou a R$ 0,92  no entanto esse valor é 4,6% menor do que o registrado em maio de 2014, segundo levantamento da Scot Consultoria,.

O aumento do preço médio nacional de abril para maio foi influenciado pela entressafra na região Sudeste, onde a produção vem caindo desde dezembro do ano passado, e uma ligeira melhora no consumo a partir de março, explica Rafael Ribeiro, analista de Mercado da Scot Consultoria.

“O mercado está mais ajustado em termos de oferta e demanda, os estoques um pouco melhores em relação ao ano passado, mas ainda sim vemos que as altas tem sido mais comedidas do que em 2014, isso reflexo do consumo um pouco mais parado e patinando em termos de demanda”, afirma Ribeiro.

Segundo ele, o consumo tem sinalizado recuperação em relação ao começo deste ano, no entanto esses volumes ainda é inferiores a média de 2014, refletindo os problemas econômicos vivenciados pelo Brasil.

Essa elevação nos preços pagos ao produtor, aliado a recente desvalorização do dólar e consequentemente dos insumos, pode trazer um cenário positivo para os pecuaristas. A relação de troca de milho e soja pelo litro de leite está de 20% a 22% acima do mesmo período do ano passado.

“No curto e médio prazo a expectativa é de mercado firme. Na pesquisa mensal com os laticínios para o pagamento de junho, 50% deles acreditam em alta dos preços, 45% falam em manutenção e apenas 4% falam em ligeira queda nas cotações”, confirma Ribeiro.

Por: Carla Mendes e Larissa Albuquerque
Fonte: Notícias Agrícolas