Máquinas e Implementos Agrícolas

John Deere lista as principais dicas para o plantio perfeito

21/09/2016

Essa consultoria foi baseada nas características das plantadeiras John Deere 

De acordo com dados divulgados pela consultoria Safras & Mercados, sobre a intenção de plantio para 2016/17, os produtores brasileiros de soja deverão cultivar 33,488 milhões de hectares, o que representa um acréscimo de 0,9% sobre o total semeado no ano anterior.

A maior parte do processo produtivo na lavoura encontra-se na fase do plantio. Essa etapa é considerada uma das mais importantes e, hoje, para plantar com eficiência, é necessário ter excelência na qualidade de plantio como um todo: corte de palha, preparação do leito, deposição do adubo, abertura do sulco da semente, deposição da semente no solo e não menos importante o fechamento do sulco.

A plantadeira não atua apenas como um dosador de sementes e fertilizantes. Ela precisa ser uma máquina bem equilibrada. Não pode ser pesada demais e nem muito leve. Precisa ter capacidade para suportar a carga dos insumos e os impactos das ferramentas ao solo.

Alex Johann, especialista em Soluções Integradas para Plantio da John Deere elencou algumas das principais dicas para que a plantadeira* desempenhe o máximo da capacidade produtiva, sem custos adicionais, sem perdas de grãos e, principalmente, sem paradas não programadas durante a safra. Confira:

1- Realize o nivelamento da plantadeira com o trator em que será acoplado;

2- Faça corretamente o acoplamento dos chicotes elétricos e mangueiras elétricas;

3- No monitor de plantio, ajuste a população de sementes de acordo com a cultura que será plantada;

4- Verifique os ajustes dos discos dos distribuidores de adubos, fertilizantes e sementes;

5- Inspecione os dosadores de sementes;

6- Ajuste a pressão do vácuo conforme o peso da semente e tipo de disco que será usado;

7- Realize a coleta do fertilizante nos 50 metros;

8- Avalie a qualidade do leito de semeadura e a profundidade da semente.

Fonte: Agrolink