Manejo

IHARA apresenta palestra sobre impactos do capim colonião na cana-de-açúcar

27/05/15
Durante a Herbishow, tradicional fabricante de defensivos agrícolas, conversou com os produtores e apontou ferramentas que podem evitar a planta daninha
Um dos principais fatores de produtividade agrícola para a cultura da cana é o controle de plantas daninhas. Para lidar com a grande diversidade e adaptabilidade dessas invasoras, é necessário investir em tecnologias inovadoras para vencer o constante avanço do problema. Bastante focada nessa questão, a IHARA aproveitou sua participação na 14º Herbishow – realizada nos dias 20 e 21 de maio, em Ribeirão Preto –, para apresentar suas principais soluções na área.

“Aproveitamos a oportunidade para trazer a palestra técnica Os Impactos do Capim Colonião na Produtividade de Cana-de-açúcar. Nosso objetivo foi demonstrar aos agricultores como uma planta daninha tão antiga e conhecida provoca, ainda hoje, danos à produtividade e tem sido um problema bastante sério nas regiões produtoras”, explica Rodrigo Naime, consultor de Desenvolvimento de Mercado da IHARA.

Além da troca de experiências enriquecedora, a empresa também trouxe aos agricultores o produto FLUMYZIN 500, herbicida pré-emergente que tem excelência no manejo da planta daninha em questão. “Esse produto colabora para que os agricultores possam minimizar perdas de produtividade, evitando a proliferação da praga”, afirma Rodrigo.

Por meio de fotografia aérea, a empresa apresentou a incidência de capim colonião nas áreas de cana e o impacto que tem na produtividade, fator decisivo para a sustentabilidade da cultura e do setor sucro-energético. “Há 50 anos no mercado, a IHARA se preocupa em oferecer aos agricultores sempre o que há de mais inovador e eficaz. Além disso, busca não só disponibilizar as ferramentas, mas também toda a informação necessária para que estes possam ter os melhores resultados produtivos”, finaliza.

Fonte: Agrolink