Produtivo

Germinação de sementes de mamona em solo irrigado com águas residuárias

O experimento foi conduzido em casa de vegetação do Centro de Ciências e Tecnologia da Universidade Federal de Campina Grande, Departamento de Engenharia Agrícola – PB. Os tratamentos foram definidos por duas condições (solo irrigado com água de abastecimento e irrigado com água residuária urbana) e quatro lâminas de água, (4, 6, 8 e 10 mm). A unidade experimental foi representada por um vaso plástico contendo 9 kg de solo anteriormente cultivado com dois cultivos sucessivos de algodão, irrigado com água de abastecimento e irrigado com água residuária. Usou-se o delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 2×4, com três repetições. Houve efeito altamente significativo (P< 0,01) para os tratamentos de solo irrigado com diferentes águas, sobre o resultados do índice de Velocidade de Germinação (IVE), com médias de 2,62 e 1,11 para solo irrigado com água de abastecimento e residuária respectivamente. Não havendo efeito significativo para as lâminas de água nem para a interação.

Fonte: biodieselbr.com