Pecuária

Formação por Competências em Bovinocultura de Leite começa em Barbacena

02/01/2014

DO PORTAL DO AGRONEGÓCIO

A data foi definida na última quarta-feira, 18 de dezembro, quando ocorreu uma reunião entre representantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR MINAS), do Sindicato Rural de Barbacena e do IF Sudeste – Campus Barbacena.

A turma, que contará com 15 participantes, será formada por produtores rurais (alguns ligados à agricultura familiar), estudantes de veterinária (muitos já inseridos no meio rural) e trabalhadores rurais. “Nossas expectativas quanto ao programa são as melhores, já que teremos uma turma bem mesclada. Trata-se de uma iniciativa de grande importância para a região, visto que iremos qualificar tecnicamente, além de aprimorar conhecimentos já existentes. Será uma resposta à escassez de mão de obra”, destaca o presidente do Sindicato Rural de Barbacena, Renato Laguardia.

De acordo com a mobilizadora do sindicato, Iracema Costa Flisch, a reunião contou com a presença dos participantes inscritos. “Apenas dois participantes irão tentar negociar com a empresa onde trabalham, a fim de conciliar horários devido à extensão do treinamento.”

O curso, que tem previsão de término para o dia 17 de julho de 2015, é gratuito e fruto da parceria entre o SENAR MINAS e o sindicato. O objetivo do programa é preparar jovens, trabalhadores e produtores rurais, ao longo de cinco módulos, para desenvolver competência técnica, profissional e de gestão, além de competências gerais e habilidades interpessoais. A carga horária total é de 704 horas, sendo cumpridas oito horas diárias.

Confira a programação de cada módulo.

Módulo básico (carga horária de 48 horas)
– Introdução ao Programa de Formação por Competências em Bovinocultura de Leite;
– Introdução à Bovinocultura de Leite;
– Comunicação Oral e Escrita;
– Cálculos Matemáticos e Sistemas de Medidas;
– Saúde e Segurança no Trabalho;
– Cuidados com o Meio Ambiente;
– Noções sobre Legislação.

1º módulo – Tratador de Bovino (carga horária de 368 horas)
– Preparo de Solos;
– Manutenção Preventiva de Máquinas e Equipamentos;
– Segurança no Trabalho;
– Produção e Colheita de Alimentos;
– Conservação de Alimentos;
– Produção e Colheita de Alimentos em Pastejo;
– Contenção e Liberação de Animais.

2º módulo – Ordenhador (carga horária de 80 horas)
– Legislação;
– Anatomia e Fisiologia Animal;
– Qualidade do Leite;
– Mastite;
– Vacas em Lactação;
– Manejo da Ordenha;
– Ordenha Manual;
– Ordenha Mecânica;
– Conservação do Leite;
– Acompanhamento das Vacas em Lactação;
– Encerramento da Lactação das Vacas.

3º módulo – Inseminador de Bovinos (carga horária de 48 horas)
– Avaliação do Rebanho;
– Condução dos Animais à Reprodução;
– Reprodução Animal;
– Inseminação de Matrizes;
– Monta Natural Controlada;
– Sincronização de cio;
– Acompanhamento das vacas e novilhas no período pré, durante e pós-parto.

4º módulo – Preparador de Bovino para Eventos (carga horária de 80 horas)
– Preparo do Local, Materiais, Equipamento e Utensílios;
– Estado de Saúde Animal;
– Cuidados com a estética (casqueamento, tosa, banhos);
– Adestramento de Animais;
– Apresentação para Pista.

5º módulo – Gerente da Atividade Leiteira (carga horária de 80 horas)
– Diagnóstico da Propriedade Rural e Estudo de Mercado;
– Análise dos Índices da Propriedade;
– Plano de Ação da Atividade Leiteira;
– Direção da Atividade Leiteira na Empresa Rural;
– Organização da Atividade Leiteira na Empresa Rural;
– Controle da Atividade Leiteira na Empresa Rura

Fonte: MidiaNews..