Mamona

Extração do óleo fixo da torta oriunda da prensagem industrial de sementes de Ricinus communis (mamona)

Da industrialização das sementes de mamona (Ricinus communis L.), obtém-se um óleo de característica particular com inúmeras utilidades e, com o subproduto, a torta de mamona, que é utilizada principalmente com o adubo orgânico de alta qualidade. A torta contém ainda um a certa quantidade de óleo, que pode ser variável em função da eficiência do processo de extração por prensagem. Este trabalho foi desenvolvido com a finalidade de quantificar o óleo fixo residual na torta de mamona resultante da prensagem de sementes de dois cultivares de mamona, utilizando-se dois solventes químicos (etanol e hexano), bem como qualificar estes óleos. O etanol foi mais eficiente na extração do óleo, sendo que a quantidade de óleo restante na torta de mamona, sugere que o processo de retirada com solventes químicos, seja avaliado para utilização industrial, tendo em vista que o óleo de mamona não tem efeito nutricional para o solo quando a torta é utilizada com o adubo.

Fonte: biodieselbr.com