variedades

Expoflora apresenta novidades de flores e plantas

Orquídeas Phalaenopsis do tamanho de uma caneta, rosa sem espinhos, tricolores naturais ou tingidas e o antúrio negro estão entre as novidades da 29ª edição da Expoflora, maior exposição de flores e plantas da América Latina, que será realizada em Holambra, interior de São Paulo.
Considerada um termômetro de mercado para os produtores, aqui eles podem apresentar suas novas espécies e variedades exclusivas ou trazer as belezas que já são sucesso em outros continentes, sempre buscando a aceitação do público em geral. A Expoflora é a vitrine das flores e plantas, onde o gosto do consumidor define os próximos lançamentos e tendências do mercado nacional.

A mini orquídea Phalaenopsis é bastante conhecida na Ásia e na Europa, ainda é novidade no mercado brasileiro. Depois de três anos em fase de teste, ela será lançada a partir de agosto, em nível nacional, pelos produtores da Florquidea, Deborah e Michael van Hoof. Produzidas em estufas climatizadas, a variedade pode ser cultivada durante o ano todo, e não apenas entre julho e novembro, época natural de floração dela. Seu ciclo vai de 18 a 24 meses, para ter a primeira floração. Esta dura 45 dias com flores medindo de 3 à 4,5 cm. Chega a 25 cm de altura e pode ser encontrada em diversas cores. Mesmo indicada para ambientes internos, após sua floração, ela pode ser plantada em jardins ou, até mesmo, numa árvore, pois ela se adapta muito bem. A produção é situada em Holambra e a previsão de mudas para o segundo semestre de 2010 é de 15 mil. Elas poderão ser encontradas na exposição e, logo após, nos principais Garden Center’s e floriculturas do país.

Foram dois anos de pesquisas para que a Reijers Agrofloricultura pudesse desenvolver e adaptar ao nosso clima a Lovely Red, variedade de rosa que não possui nenhum espinho. O botão, que pode chegar a 10 cm, apresenta um vermelho aveludado bem forte e sua haste, definida, pode chegar a 90 cm. Pode ficar até 15 dias em vaso, com a troca regular da água e o corte das hastes. O perfume suave é o toque final para a sua caracterização. Na exposição, é esperada uma produção de 10 mil hastes por dia dessa variedade, ficando a cargo da Cooperflora a sua comercialização.

Duas das novidades da fazenda Terra Viva, os antúrios Black Queen e Green King, ganharam este nome em homenagem à Família Real Holandesa. Eles também podem ser chamados de antúrio negro e verde, devido às cores características de suas flores. Pertencente à família das Aráceas, o antúrio é originário das Américas do Sul e Central. Porém, essas novas variedades são importadas diretamente da Holanda e são o resultado de 7 anos de pesquisas. Elas chegam a 90 cm e podem durar aproximadamente 60 dias, com com regas semanais. Duas edições exclusivas e limitadas, apropriadas para a decoração de interiores e jardins a meia sombra. Poderá ser encontrada nos melhores Garden Center’s e floriculturas especializadas do país.

A Expoflora traz mais uma vez para venda exclusiva no Brasil, a Rosa Multicolorida, batizada pelos visitantes de 2007 como Rosa Aquarela. Nesta edição, porém, a Reijers Agrofloricultura antecipa a decoração para a Copa do Mundo de 2014, para lançar a variedade comemorativa “Brasileirinha”, a rosa multicolorida com as cores nacionais, verde, amarela e azul. Criada pelo produtor holandês Peter van de Werken, a técnica de tingimento empregada nessa variedade possibilita pétalas de diferentes cores em uma mesma flor, com variações que vão dos tons fortes aos suaves, dos cítricos aos elegantes, dos claros aos escuros. O processo em laboratório, mantido em segredo, foi importado para o Brasil, que ainda as produz de forma artesanal. O pouco que pode ser falado é que o ponto inicial é a utilização da rosa Avalanche (de cor branca) para o processo de tingimento. O botão da Brasileirinha tem de 5 a 7 cm e sua haste é de 50 cm. Trocando regularmente a água e o corte das hastes a cada dois dias, ela pode durar até 10 dias no vaso. A produção será de 2000 hastes por semana. O lançamento será durante a exposição, mas ela também poderá ser encontrada no site (http://www.20flores.com.br) a partir de setembro.

O mini bambu Panda é a fonte de alimentação principal dos ursos panda, o que mostra a origem do seu nome. Comum na Ásia, o Panda é a aposta da Terra Viva para decoração com plantas verdes em ambientes internos bem iluminados. Com folhagem verde e haste de cor preta, a planta deve ser regada diariamente, para que seu substrato mantenha-se úmido. Além de exótico e durável, acredita-se que o bambu protege contra as más energias. Quando oferecido como presente, representa benção divina, prosperidade, sorte e sucesso.

A variação Phoebe do Kalanchoe Dobrado chama a atenção por sua cor laranja viva e bem definida. O tipo dobrado difere do normal por conta da quantidade de pétalas na flor. Enquanto o kalanchoe possui quatro pétalas cada flor, o dobrado possui camadas de pétalas, potencializando a beleza de cada botão. Em especial, no kalanchoe Phoebe, o tamanho do botão tende a ser maior do que outros presentes no mercado. A variedade é trazida pelo Grupo Swart que importa o material genético para produzi-la em Holambra. São previstos 6.000 vasos por semana, durante a exposição, mas ela está no mercado desde novembro de 2009 nas melhores floriculturas.

A rosa de corte Variance possui um botão grande com três cores predominantes: pink, lilás, e verde. A variedade foi desenvolvida após 7 anos de pesquisas nas estufas da Nirp International, na França. Aqui no Brasil foram necessárias avaliações de sua adaptabilidade ao clima e solo, principalmente na região de Andradas, em Minas Gerais, onde atualmente é produzida. Nos ambientes sem vento, pode durar até 14 dias em vaso, deixando seu leve perfume intacto. Desenvolve-se rapidamente, gerando hastes longas e retas, com poucos espinhos e folhas verdes de cor intensa e brilhante. É muito resistente ao transporte e contra ataques de fungos causadores de doenças. Até o fim de 2010, é prevista uma produção de 60000 hastes, por mês. Em estufa, sua produção estimada é de 120 hastes por metro quadrado ao ano. Pode ser encontrada, principalmente, no atacado da cooperativa Veiling Holambra.

Serviço:
29ª Expoflora

De 02 a 26 de setembro, de quinta-feira a domingo – e nos dias 06 e 07
Horário: das 9h às 19h
Localização: Holambra, (rodovia Campinas-Mogi Mirim – SP 340 -, Saída 140)
Ingressos na bilheteria: R$ 27,00. Crianças com idade até 5 anos têm entrada franca
Informações: (19) 3802.1421 – e-mail contato@expoflora.com.br

Redação

Fonte: http://www.jornalentreposto.com.br/arquivos/1871-expoflora-apresenta-novidades-de-flores-e-plantas-