Raças

Escolhendo a boa cabra leiteira

Como são em geral os animais puros, de raças leiteiras aperfeiçoadas, os que mais produzem, é aconselhável adquirir cabras puras ou que sejam mestiças dessas raças. Entre as numerosas raças leiteiras, podem ser destacadas as seguintes:

– Toggenburg – medem 1,10m de comprimento e 70 a 80 cm de altura na cernelha e produzem de 3 a 5 litros de leite por dia. De coloração variando de castanho-claro até o castanho queimado.

– Saanen – é toda branca, mede de 1,15m de comprimento e de 79 a 93cm de altura e produz de 3 a 5 litros de leite por dia.

– Nubiana – produz de 3 a 6 litros de leite por dia e a Anglo-Nubiana, como produção de 2 a 4 litros.

– Murciana – é considerada muito bonita e elegante, produz em média 2 a 3 litros, alcançando porém até 5 litros.

– Parda Alpina – produz entre 1,5 a 5,0 litros / dia. Encontra-se em todo território nacional e é considerada a mais rústica de todas as leiteiras, no Brasil.

– Branca sertaneja – é uma variação de Alpina Americana, sem homologação no Brasil, mas bastante comum no Nordeste. Produz entre 1,0 a 4,0 litros / dia. Lembra a Moxotó.

– Existem outras raças leiteiras no mundo e algumas no Brasil, com poucos exemplares.

– Quanto às cabras das raças nacionais, já existem algumas evoluído nessa direção. Em geral, elas produzem pouco e tem período de lactação pequeno.

Fonte: Revista O Berro

http://www.portalruralsoft.com/manejo/manejoExibe.asp?id=231