Pecuária

Encontro de Leite do NE apresenta soluções para o segmento

07/11/14

A Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE) exibiu diversas soluções tecnológicas sustentáveis para a cadeia produtiva do leite durante o Encontro Nordestino do Setor de Leite e Derivados (Enel), que aconteceu de 5 a 7 de novembro no Centro de Convenções de Sergipe, em Aracaju.

Promovido pelo Sebrae em parceria com o Governo de Sergipe e a Federação da Agricultura do Estado de Sergipe (Faese), o Enel teve este ano sua 12ª edição, e contou com a presença de 27 empresas e instituições, disponibilizando novidades e soluções tecnológicas e financeiras para o segmento leiteiro. Esta edição do Enel atraiu mais de três mil pessoas, entre produtores rurais, técnicos e estudantes.

Além dos sergipanos, estavam presentes no encontro empreendedores rurais da Bahia, Alagoas, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará. Ao todo foram 26 caravanas, sendo 16 dos municípios de Sergipe e dez de outros estados. “Mas teve gente que veio por conta própria, a procura de conhecimentos e novas tecnologias. É impressionante como o homem do campo está interessado em se informar, ficar ainda mais atualizado e preparado para gerir seus negócios rurais”, destacou Lauro Vasconcelos, superintendente do Sebrae.

Os participantes puderam ver de perto e aprender mais sobre a Ordenha Higiênica – conjunto de equipamentos e procedimentos para extração de leite com maior sanidade e segurança; silagem de mandioca e da leguminosa gliricídia para alimentação animal; produção de feno com capim Tifton; uso da manipueira (toxina presente na mandioca-brava) para combate a carrapatos em bovinos e a maquete de uma unidade de confinamento de ovinos para tratamento do casco.

Agentes da Embrapa estiveram de prontidão no estande para explicar os detalhes das tecnologias e tirar dúvidas dos visitantes. Quem passou pelo local teve ainda a acesso a publicações técnicas gratuitas e à venda.

No último dia do evento, a Embrapa realizou a distribuição de 100 mudas de gliricídia prontas para o plantio em campo, num dos momentos mais prestigiados e concorridos do Enel. “Os visitantes já vinham solicitando mudas da leguminosa desde o primeiro dia, mas informamos que só seriam doadas no final, e a concorrência foi grande”, contou o assistente de comunicação Joel Lamoglia.

Dentro da vasta programação técnica do evento, o veterinário Samuel Souza, agente de transferência de tecnologia da Embrapa Tabuleiros Costeiros, realizou palestra sobre a alimentação de caprinos leiteiros no Semiárido.

Concurso
Além das diversas capacitações, o Enel também promoverá mais uma edição do tradicional concurso de queijos, que este ano será coordenado pelo Instituto de Laticínios Cândido Tostes, de Juiz de Fora (MG), a primeira escola de laticínios da América Latina, vinculado à Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig). A analista do Laboratório de Sanidade Animal da Embrapa Tabuleiros Costeiros, Kênia Teixeira, integrou o corpo de jurados do concurso, ocorrido na tarde da quinta-feira (6).

Diversas amostras de queijos do tipo mozzarella, coalho e de manteiga, fabricados no Nordeste com certificação de inspeção sanitária, foram postas à prova dos juízes, que sob a orientação dos especialistas do instituto analisaram aparência geral, cor, consistência, cheiro e sabor.

Próximas edições
Aconteceu um fato interessante nessa edição do ENEL. Normalmente os estados participam de um sorteio para definir quem irá sediar o evento do próximo ano. Em Sergipe foi diferente, logo no início do encontro, Pernambuco e Bahia já demonstraram interesse em realizar os próximos eventos. “Em Pernambuco será em junho de 2015, no município de Caruaru, uma semana antes do São João. Já a Bahia irá realizar o ENEL de 2016, no município de Porto Seguro”, informou Helenilson Oliveira, analista da Unidade de Agronegócio do Sebrae Sergipe.

Mais fotos
Para ver a galeria de imagens completa do Enel 2014 na rede social Flickr, clique aqui.

Com informações da Assessoria de Comunicação do Sebrae Sergipe.

Saulo Coelho (MTB/SE 1065)
Embrapa Tabuleiros Costeiros

Telefone: 79 4009-1381

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/