Pesca

Embrapa Pantanal pede apoio de ministério para pesquisa em aquicultura

Embrapa Pantanal
26/05/2011

A primeira fase do projeto termina em setembro e uma segunda etapa está sendo planejada. O Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) é parceiro da Embrapa na iniciativa

A ministra da Pesca e Aquicultura, Ideli Salvatti, disse nesta  segunda-feira, dia 23 de maio, em Campo Grande (MS), que o projeto Aquabrasil, que desenvolve pesquisas em aquicultura no país desde 2008, precisa continuar. A primeira fase do projeto termina em setembro e uma segunda etapa está sendo planejada. O Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) é parceiro da Embrapa na iniciativa.

A afirmação da ministra foi uma resposta ao pedido de apoio feito pela líder do projeto, a pesquisadora Emiko Kawakami de Resende, da Embrapa Pantanal. Ideli Salvatti afirmou, durante várias vezes, que pesquisas em aquicultura e também em pesca são fundamentais para que o país se desenvolva nessas áreas.

No Sebrae-MS em Campo Grande, a ministra entregou equipamentos a colônias de pescadores, ouviu reivindicações de representantes dos dois setores e anotou tudo. Ela fez questão de dar retorno a cada pessoa inscrita, sobre os encaminhamentos que iria providenciar.

Os senadores Delcídio Amaral e Waldemir Moka e o deputado federal Vander Loubet acompanharam a ministra pela manhã. Delcídio agradeceu ao pronto atendimento da ministra ao aceitar o convite dos senadores para visitar Campo Grande. Disse que o país tem um potencial gigantesco para a produção de pescado e que é preciso crescer e consolidar as duas atividades. Convidou Ideli para visitar Corumbá.

Moka afirmou não ter dúvidas de que Mato Grosso do Sul é a terra da soja, do boi e será a terra do pescado. Ele elogiou a escolha da ministra para o cargo, lembrando que ela é de Santa Catarina, um dos maiores Estados produtores de pescado do Brasil.

No período da tarde, Ideli se reuniu com o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli, a quem apresentou reivindicações. Ela acompanhou a solenidade de início das obras do Aquário do Pantanal, que será construído na capital.

INCENTIVO

Ideli Salvatti recebeu das mãos de Emiko Resende o novo folder com resultados atingidos pelo projeto Aquabrasil. A pesquisa, desenvolvida em rede com mais de cem estudiosos, já apresenta avanços significativos nas áreas de melhoramento genético, sanidade, nutrição, aproveitamento  agroindustrial e manejo.

A pesquisadora entregou também um projeto solicitando apoio do ministério para a realização de um seminário sobre pesca que acontecerá em novembro deste ano em Corumbá e está sendo organizado pela Embrapa Pantanal (Corumbá-MS), Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Ideli aceitou convite de Emiko para comparecer ao evento. (Ana Maio)

Fonte: http://www.diadecampo.com.br/zpublisher/materias/Materia.asp?id=24405&secao=Not%EDcias