Notícias

Dia Internacional do Cooperativismo é comemorado neste sábado

03/07/2015

Neste sábado (04.07), é comemorado o 93º Dia Internacional do Cooperativismo, que este ano terá como tema “Escolha Cooperativismo. Escolha Equidade”. A data tem um simbolismo importante para o Brasil, porque o Departamento de Cooperativismo da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Denacoop/SDC/Mapa) esteve à frente da presidência Pro Tempore da Reunião Especializada das Cooperativas do Mercosul durante o primeiro de 2015.

Nesses seis meses, o Denacoop conseguiu avanços para o Estatuto das Cooperativas do Mercosul e para o Fundo de Promoção das Cooperativas do Mercosul. Esses documentos devem ser votados em breve pelo Grupo do Mercado Comum (GMC) e, se aprovados, serão sancionados pelo Conselho do Mercado Comum (CMC) para que tenham validade em todos os países que fazem parte do bloco.

O Denacoop coordenada permanentemente a Seção Nacional da Reunião Especializada de Cooperativas do Mercosul, da qual fazem parte como países membros, além do Brasil, a Argentina, Venezuela, Paraguai e Uruguai.

Com o cooperativismo e o associativismo, a SDC tem contribuído para estruturar as cadeias produtivas de pequena escala, favorecendo o pequeno e o médio produtor. A atuação da secretaria, por meio do Denaccop, vai desde a participação dos processos de criação de trabalho e emprego até a produção de alimentos, geração e distribuição de renda e melhoria da qualidade de vida das comunidades rurais e urbanas.

O Brasil tem mais de 1,5 mil cooperativas agropecuárias e cerca de 1,1 milhão de cooperados. O cooperativismo agrícola gerava, em 2013, 161,7 mil empregos diretos.

Mercosul
O Mercosul é um bloco que visa a consolidar a integração política, econômica e social entre Brasil, Argentina, Venezuela, Paraguai e Uruguai – países membros – e ainda Chile e Bolívia, que são países associados. O Mersocul corresponde a 71,8% do território da América do Sul, chegando a uma população de cerca de 275 milhões de habitantes.

Na agricultura, o Mercosul é uma potência, produzindo as cinco principais culturas alimentares globais: trigo, milho, soja, açúcar e arroz. O bloco é o maior exportador líquido mundial de açúcar, o maior produtor e exportador mundial de soja, o primeiro produtor e segundo maior exportador de carne bovina, o quarto produtor mundial de vinho e o nono produtor mundial de arroz, além de ser grande produtor e exportador de trigo e milho.

Fonte: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento