Notícias

Dia de campo da intercooperação mostra novidades

01/04/2015

 Um Dia de Campo da Intercooperação na área de sementes foi realizado na terça feira, 31/03, pelas áreas técnicas das cooperativas Batavo e Castrolanda, no Campo Experimental ao lado do Parque de Exposições Dario Macedo, em Castro-PR.
Reunindo mais de 150 pessoas, entre agrônomos, técnicos, cooperados e profissionais do setor, o Dia de Campo da Intercooperação apresentou 25 variedades de sementes de soja, onde 10 delas foram lançadas por empresas líderes no segmento e parceiras das cooperativas.
Para o gerente da Unidade de Beneficiamento de Sementes da Batavo, Luiz Henrique Deschamps, o principal objetivo do evento é para que os produtores cooperados coletem o maior número de informações para plantar a semente com maior confiança e com resultados mais precisos. “Além disso, o dia de campo promove a integração entres os cooperados e equipes das cooperativas Batavo e Castrolanda, sempre direcionados para o melhor desempenho e ganhos nas produtividades nas lavouras dos cooperados”, registrou Deschamps.
De acordo com Charles Allan Telles, Coordenador do setor de sementes da Castrolanda, a profissionalização do setor pelas cooperativas e o uso de tecnologias no processo têm sido fundamentais para um desempenho com qualidade nas sementes. “Os investimentos feitos pelas cooperativas nas estruturas e processos de beneficiamento de sementes, aliados a  assistência técnica profissionalizada, orientações e plantio de variedades com produtos certificados, têm resultado na qualidade crescente da produção de sementes ”, comenta Charles.
Outro fator relevante apresentado no evento, foi a apresentação sobre doenças da soja, as quais podem ser evitadas através de acompanhamento preciso e intervalos de aplicações fundamentais para um resultado positivo. Os estudos tiveram como base estudos e experimentos realizados pela Fundação ABC.
Para completar as informações aos participantes no Dia de Campo da Integração, foi distribuído material informativo sobre todas as variedades e empresas participantes nos ensaios. Para Charles, do setor de sementes da Castrolanda, o material é uma espécie de dossiê de cada variedade, para que o produtor faça a melhor opção para o seu plantio.
“Através deste evento, mostramos que as cooperativas Batavo e Castrolanda estão trabalhando em conjunto para que os cooperados tenham o melhor desempenho através do acesso a informações completas, com diferenciais produtivos. Internamente, cuidamos dos processos, atendendo sempre as normativas vigentes para garantirmos rastreabilidade, algo fundamental para atingirmos sempre a qualidade almejada”, conclui o coordenador.
Para o próximo ano, já se planeja que a Cooperativa Batavo seja anfitriã do Dia de Campo da Intercooperação, tendo como apoiadores as equipes técnicas da Castrolanda e Batavo.
Fonte: Batavo Cooperativa