Com preço baixo, produtores de banana se endividam e abandonam cultura em MG

_Alicja_ (CC0), Pixabay

Publicado em 08/10/2018

No Norte do estado, 320 mil toneladas foram colhidas até agora, 12% menos que em 2017. Mas os preços continuam abaixo do custo de produção.

Produtores de banana do Norte de Minas enfrentam uma fase difícil. Alguns estão até abandonando pomares irrigados porque os valores da fruta chegaram a níveis extremos na região, fazendo jus à popular expressão “a preço de banana”.

Até agora, 320 mil toneladas foram produzidas na região, 12% menos na comparação com o ano passado. Mas a produção menor não se reflete nos preços: o quilo tem sido vendido, em média, a R$ 1. Em meses críticos, vai a R$ 0,40, muito abaixo do custo de produção, que chega até R$ 1,30.

“Com a diminuição do consumo no país de forma geral, devido à crise econômica, e com o aumento das áreas produtivas e da oferta, estamos vivendo provavelmente os preços mais baixos da história”, diz Saulo Bresinski Lage, presidente da Associação Central dos Fruticultores do Norte de Minas (Abanorte).

Confira a notícia na íntegra no site do Globo Rural. Fonte: Globo Rural