Com greve, cooperativas perderam 12 milhões de litros de leite no Paraná

Publicado em 14/06/2018

A greve dos caminhoneiros causou uma perda de 12 milhões de litros de leite em sete dias para cooperativas da região centro-sul do Paraná, onde está a principal bacia leiteira. E depois do retorno às atividades, a captação da matéria-prima tem sido, de início, pelo menos 5% menor que a registrada antes do protesto nacional dos transportadores de carga.

A afirmação é do presidente da Frísia, Renato Greidanus. Os números se referem à entidade, além de Castrolanda, Capal, maiores fornecedoras do produto na região, e outras quatro cooperativas menos representativas, mas que também compõem o que é chamado de “pool do leite”. Em condições normais de produção, a captação diária desse grupo é, em média, de 1,75 milhão de litros.

Veja a notícia na íntegra no site da Revista Globo Rural

Fonte: Revista Globo Rural
Fonte: Notícias Agrícolas