Laranja

Colheita da laranja agrada agricultores de São Paulo

Uma a uma, as frutas são tiradas do pé. A colheita mal começou e ainda há muito trabalho até dezembro. Em uma fazenda, em Matão, uma das maiores produtoras de laranja do estado de São Paulo, 300 funcionários foram contratados. No auge da safra serão quase mil.

A plantação ocupa 7,5 mil hectares e como os pés estão bem carregados, a expectativa é colher 4,5 milhões de caixas de 40 quilos. “Até agora, o clima está bom. Está esfriando e isso faz com que a laranja entre em processo de maturação. A qualidade está ótima para a indústria”, explica o gerente Walter Agustoni.

A qualidade da fruta está sendo considerada boa e quem fechou contratos antecipados está satisfeito com os preços.

É o caso de Fernando Abrantes. Os 200 hectares que o produtor tem em Araraquara vão render 142 mil caixas. Ele sempre fechou negócios antecipados com a indústria e desta vez conseguiu de R$ 12 a R$ 15, sendo que o custo de produção hoje é de R$ 9 a caixa.

No mercado internacional, o preço do suco de laranja está em alta. Nos últimos 30 dias, a valorização foi de 3%. Em comparação ao mesmo período do ano passado, o crescimento é de 29,2%.

De acordo com a Faesp, a Federação da Agricultura do Estado de São Paulo, cerca de 80% dos produtores de laranja do estado fecharam contratos antecipados. A indústria ainda não divulgou quanto pretende pagar pela caixa nesta safra para quem não tem contrato, mas a negociação já começou.

Fonte: http://www.alagoastempo.com.br/noticias/agricultura/4312/colheita-da-laranja-agrada-agricultores-de-sao-paulo.html