Notícias

Cocamar recebe produtores e autoridades para marcar início de operação em Ângulo

12/03/2015

A Cocamar reuniu na última quinta-feira (12) no salão paroquial de Ângulo, município da região de Maringá, cerca de 150 convidados, entre produtores e autoridades locais, para formalizar o início de suas operações na cidade. Avançando mais um passo em seu projeto de expansão, a cooperativa assumiu uma estrutura onde vai fazer o recebimento de grãos já nesta safra de verão 2014/15.

Em sua saudação, o vice-presidente de Gestão e Operações, Divanir Higino da Silva, disse que o crescimento é um imperativo para organizações como a Cocamar, que se inserem em um segmento altamente concorrido. “Queremos crescer com rentabilidade e dobrar de tamanho até 2020”, pontuou Silva, explicando que o modelo de reuniões da cooperativa é semelhante ao que se viu ali, que sugere também a participação de esposas dos associados.

Ao discursar, o prefeito Pedro Vicentin ressaltou a importância da vinda da Cocamar para o município, que trará mais comodidade e benefícios aos produtores da região. Ele lembrou já ter sido associado e se disse orgulhoso pelo crescimento da cooperativa. “Temos potencial e, com certeza, as expectativas serão plenamente atendidas”, frisou.

O associado Edivaldo Bavelloni, que detinha a estrutura operacional assumida pela Cocamar, contou que permaneceu ali por nove anos, prestando serviços aos produtores: “Agora começa uma nova etapa e não há dúvida que será um sucesso”.

Por fim, o superintendente de Negócios, Arquimedes Alexandrino, fez uma explanação sobre os aspectos diferenciais da cooperativa, salientando que uma das suas características é o retorno de resultados aos produtores. “Investimos permanentemente na difusão de informações técnicas aos associados, visando o aumento da produtividade.”

A presença de uma unidade da Cocamar em Ângulo deixou os produtores animados. Waldomiro dos Reis, que cultiva 24 alqueires no município, disse que entregava suas safras no entreposto da cooperativa em Atalaia, a 17 quilômetros. Agora, a distância caiu pela metade. “Sou cooperado desde 1980 e pra nós vai ser muito bom”, comentou. A redução da distância, trazendo mais comodidade, foi também ressaltada pelo produtor Ângelo Adélio Maróstica, que explora 210 alqueires e, a exemplo de Reis, direcionava as entregas para Atalaia. “Para nós é um grande negócio, só temos a ganhar com a vinda da cooperativa”, disse. Dono de 37 alqueires próximo ao residencial Alphaville, Gildo Cavalhieri comentou que a Cocamar “estava fazendo falta na região”. Segundo ele, foi uma decisão acertada investir ali.

Com 12 mil associados, a cooperativa possui uma rede de 68 unidades distribuídas pelas regiões norte e noroeste do Paraná, oeste paulista e sudoeste do Mato Grosso do Sul. Nesta safra, além de Ângulo, outras localidades passam a contar com estruturas de recebimento de grãos da cooperativa. É o caso dos municípios de Nova Andradina (MS), Iepê (SP) e Japurá (PR), e dos distritos de São Martinho e Caramuru, respectivamente em Rolândia e Cambé, no Paraná.

Fonte: Cocamar