variedades

Classificação das espécies comercializadas

A diversidade e a amplitude de climas e solos no Brasil permitem cultivos de espécies de origens nativas e exóticas, de clima temperado e tropical. O mercado brasileiro de plantas
ornamentais compreende as flores de corte, flores de vaso, sementes, plantas de interiores, plantas de paisagismo e folhagens. Os segmentos possuem as seguintes espécies:

• Flores de corte: antúrio, arfobia, ageranthum, Angélica, ammi majus, áster, alstromeria,asparagus, boca-de-leão, branquinha, crisântemo, crisântemo mini, gladíolo, gloriosa, gypsófila, helicônia, íris, lisianthus, lírio, perpétua, celósia cristata, carioquinha, cymbidium, gérbera, phalaenopsis, statice, denphalaenopis, estrela-d’alva, estrelítzia, gérbera mini, rosas, rosas mini, solidago, solidaster, trachelium.

• Flores de vaso: antúrio, Amarílis, achinanthus, azaléia, begônia, bromélias, ciclame, crisântemo, crisântemo mini, columéia, crossandra, phalaenopsis, flor-de-maio, gérbera, jacintos, ixoria, ixoria mini, impatiens, kalanchoe, kalanchoe mini, lágrima-de-cristo, lírio, poinsétia, rabo-de-gato, rosa mini, spathiphyllum (lírio-da-paz), violeta africana e violeta mini.

• Sementes: espécies floríferas de corte e de vaso, plugs (sementes germinadas e mudas em bandejas com substratos).

• Plantas verdes: as plantas verdes ou de interiores são basicamente as mesmas usadas no paisagismo, diferindo dessas apenas quanto ao porte ou às quantidades utilizadas.
São elas: areca bambu, árvore-da-felicidade, asplenium, avenca, clorofito, dieffembachia, dracena, hera, sinécio, fícus, fitônia, gibóia, leia rubra, musgo, palmeira, peperômia, palmeira phoenix, philodendron, platicerium, polipodium, renda portuguesa, sheflera, samambaia, singônio e cactus.

Fonte:

http://www.iica.org.br/Docs/CadeiasProdutivas/Cadeia%20Produtiva%20de%20Flores%20e%20Mel.pdf

 

Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Cadeia produtiva de flores e mel / Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento,

Secretaria de Política Agrícola, Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura ; Antônio

Márcio Buainain e Mário Otávio Batalha (coordenadores). – Brasília : IICA : MAPA/SPA, 2007.

140 p. ; 17,5 x 24 cm – (Agronegócios ; v. 9)

ISBN 978-85-99851-21-0

 

1. Agronegócio – Brasil. 2. Política Agrícola – Brasil. 3. Frutas. I. Secretaria de Política

Agrícola. II. Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura. III. Buainain, Antônio

Márcio. IV. Batalha, Mário Otávio. V. Título.

AGRIS 3307;9340

CDU 631.575