Defensivos

China desenvolve pesticida reciclável

22/09/2017

Cientistas do Instituto de Ciências Física de Hefei, na China, desenvolveram um pesticida que, uma vez no solo, é controlável e reciclável. A equipe liderada pelo professor e pesquisador Wu Zhengyan usou diatomita, óxido de ferro e magnésio para formar a composição que pode ser ativada por níveis de pH no solo.

“A liberação do pesticida misturado com um aditivo pode ser facilmente ajustado por mudanças por pH enrola a droga e age como um ‘porteiro’. Ele abre um portão e dissolve em condições ácidas,” disse Wu.

Ele afirmou que a pesquisa demonstrou que um cultivo de temporada única necessitou de apenas uma aplicação de pesticida. Durante o crescimento da planta, os agricultores aplicam um agente frágil para ativar e controlar o efeito do pesticida, enquanto a agricultural convencional necessita de várias rodadas de spray.

Wu disse que a agricultura da China depende pesadamente do uso de pesticidas. O consumo do produto no país asiático é estimado em um milhão de toneladas. No entanto, menos de 40% tem um efeito em lavouras e o resto, simplesmente lavados, contaminam o solo e a água.

Ele disse que o aditivo era magnético, fazendo com que seja factível a recuperação do solo e da água. “O efeito reciclável durante os testes mostra que 30% dos resíduos de pesticidas podem ser recuperados,” afirmou.

Segundo a pesquisa, o defensivo apresentou uma habilidade aderente em superfícies frágeis e na epiderme de pestes. Ele ainda afirmou que ainda é cedo para fazer uso comercial dos resultados em função de que o custo do nano-material e da reciclagem são muito altos para os produtores.

“Nós tomamos isso como uma fase de sucesso e continuaremos a atualizar para fazer mais eficiente e econômica,” disse.

Fonte: Agrolink