Pecuária

Carne sem osso cai no atacado e reduz margem da indústria

06/03/15
Após um mês de estabilidade da arroba do boi gordo em São Paulo, houve alta no preço de referência esta semana, para R$144,00, à vista.

De um lado, a oferta limitada de bovinos terminados pressiona para cima os preços da arroba. Do outro, há dificuldade no escoamento da carne bovina, o que limita as valorizações do boi gordo.

Uma situação de consumo elevado daria mais firmeza aos preços da arroba em todo o país, dada a situação crítica da oferta.

Além das vendas enfraquecidas, os estoques estão maiores também devido à queda nas exportações de carne.

Com a crise na economia russa, um dos principais compradores da carne brasileira, as exportações de carne in natura caíram 31,5% em volume no primeiro bimestre, comparado com o mesmo período de 2014.

O país representou nos últimos dez anos 25,6% das compras de carne in natura em janeiro. Este ano, a participação caiu para 11,5%.

Embora o preço da carne com osso tenha subido na última semana, principalmente devido à dificuldade de abastecimento, a expectativa é de que o patamar não se sustente em curto prazo.