Notícias

Cápsulas Agrocoop ganham destaque nacional

Vitória (13/2) – Foi com enorme alegria e entusiasmo que a diretoria executiva do Sistema OCB/ES recebeu a notícia sobre uma publicação em um blog de um autor mineiro reconhecido no meio gastronômico sobre as cápsulas de café Agrocoop. Na publicação, além de contar um pouco sobre a procedência dos cafés da Agrocoop, o autor elogia e compara o blend das cooperativas capixabas, com os blends produzidos pela Nespresso (uma das marcas de cafés em cápsulas mais famosas do mundo).

O dono do Blog, Calafe Asafe Bezerra, é designer, tem 27 anos e além de ter sucesso em suas publicações, ganhou maior notoriedade quando participou e foi vencedor do reality gastronômico Jogo de Panelas, no programa Mais Você, da apresentadora Ana Maria Braga, da Rede Globo.

Para o presidente da Agrocoop e também do Sistema OCB/ES, Esthério Sebastião Colnago, essa e outras publicações que já saíram sobre os cafés Agrocoop são apenas o começo do reconhecimento do trabalho de excelência que as cooperativas de café capixabas estão fazendo. “Com pouco mais de um ano de produção, os cafés da Agrocoop já foram de tema de diversas matérias em variados canais de comunicação, e esperamos estar em mais, pois o diferencial de qualidade dos nossos cafés favorecem o reconhecimento da mídia”, completa ele.

Hoje, além de ser vendido em estabelecimentos comerciais da Grande Vitória e do ES, os cafés da Agrocoop também estão disponíveis através de sua loja eletrônica em http://www.agrocoop.coop.br/.

Um pouco da história…

União de forças em busca de excelência, esse é o objetivo da Agrocoop – Cooperativa Central Agroindustrial do Espírito Santo. A Central é formada pelas cooperativas: Pronova, Coopruj, Coocafé, Cafesul, Cooabriel e Cafeicruz, assim contemplando os produtores de café conilon e arábica. A Agrocoop foi criada no fim do ano de 2010 com o intuito de valorizar o trabalho dos produtores rurais do Espírito Santo e melhorar sua renda, dando continuidade de vida no campo.

A partir da criação desta Central, as cooperativas filiadas passam a ser mais integradas, o que acarreta em melhores condições de negócios e pulverização dos benefícios para os cooperados. A Central também permite que estas cooperativas operem em grande escala e tenham poder de negociação. Por meio da industrialização, as cooperativas singulares passam a atuar em um elo novo no segmento da cafeicultura.

A Central Agrocoop conta com apoio do Sistema OCB/ES e também do Sebrae/ES, Aderes, SEAG/ES, SEDES e Sicoob/ES.

Fonte: Assimp Sistema OCB/ES