Café Serra da Grama prepara grão exclusivo para francesa Hediard

Luxuosa boutique escolheu empresa brasileira para fazer parte de sua rede

Agência EstadoTomas Okuda

A rede francesa Hediard, uma das mais luxuosas boutiques de alimentos do mundo, enviou ao Brasil sua especialista em café, Eda Freitas, para concluir os últimos detalhes de fornecimento exclusivo do produto da marca Serra da Grama, safra 2011/2012. Eda esteve em São Paulo nessa semana para acertar minúcias do selo brasileiro que será aplicado nas embalagens do Café Serra da Grama que, a partir do mês que vem, passa a fazer parte da gama de produtos da rede francesa na categoria “prestígio e exclusividade”.

– A Hediard é exigente e pediu que o texto na embalagem seja bilíngue, em inglês e francês, já pensando em suas lojas fora da França, como Tóquio e Moscou – informa a proprietária do Café Serra da Grama, Mariângela Taramelli Francisco.

O café brasileiro que será vendido pela Hediard faz parte de um talhão exclusivo de cinco hectares da Fazenda São Gabriel, de propriedade da família Taramelli em São Sebastião da Grama, interior de São Paulo, onde são cultivados cerca 25 mil pés de café, que deram a primeira carga no ano passado. Este ano foram colhidas cerca de 200 sacas de 60 quilos do grão, da variedade bourbon amarelo. Eda Freitas esteve na fazenda para acompanhar a finalização do processo de secagem e torrefação dos grãos.

Uma parte do café será exportada ainda crua, para ser torrado na hora. O produto será vendido pela Hediard em pacotes de 125 gramas, ao custo de 35 a 40 euros (80 a 90 reais). Mariângela diz que na loja Hediard de Paris uma xícara de café custa cerca de 6,5 euros, ou perto de R$ 14,50.

No ano passado, para a comemoração dos 140 anos de seu principal endereço, o da Place de La Madeleine, em Paris, a Hediard pesquisou produtos em diversas partes do mundo para que pudessem ser vendidos na loja com suas marcas originais, mas com etiquetas de exclusividade produzidas pela própria rede. O Serra da Grama foi o café escolhido entre os vários concorrentes.

A família Taramelli administra duas fazendas de café em São Sebastião da Grama, além da São Gabriel: a Santa Terezinha e a São Caetano. Juntas, as três fazendas têm plantados cerca de 1 milhão de pés de café. A torrefadora da família recebeu este ano o Prêmio Diamante no 9º Concurso Estadual de Qualidade Café de São Paulo, como empresa que mais investe em qualidade.

AGÊNCIA ESTADO

Fonte: http://www.revistacafeicultura.com.br/index.php?tipo=ler&mat=40654&cafe-serra-da-grama-prepara-grao-exclusivo-para-francesa-hediard.html