Sisal

Cadeia produtiva do sisal é tema da nova árvore do conhecimento na Ageitec

Difícil encontrar alguém que não conheça fios, barbantes, cordas, tapetes, sacos, bolsas e chapéus feitos com fibra de sisal. O material é bastante comum e vantajoso, principalmente considerando-se os aspectos relacionados à sustentabilidade dos produtos, muito mais facilmente decompostos na natureza se comparados ao sintéticos.

Mas, apesar do valor econômico reconhecido e das diversas outras utilizações nas indústrias de papeis, carros, móveis, eletrodomésticos e na construção civil, seu potencial de uso ainda é alvo de pesquisas e considera-se que ainda não foram levantadas todas as suas aplicações e algumas das que se conhecem não ultrapassaram a fase de laboratório. Introduzido no Brasil em 1903, pelo agrônomo Horáceo Urpia Junior, o cultivo do sisal se desenvolveu principalmente na região Nordeste do País, a partir da Paraíba e da Bahia, primeiros Estados a desenvolver a cultura, com incentivo inclusive por parte dos governos locais.

Para contribuir com o desenvolvimento de tecnologias voltadas para a espécie, a Agência Embrapa de Informação Tecnológica (Ageitec) acaba de publicar a árvore do conhecimento Sisal, editada pela Embrapa Algodão (Campina Grande,PB), em parceria com a Embrapa Informação Tecnológica (Brasília, DF), Embrapa Informática Agropecuária (Campinas, SP) e Embrapa Instrumentação (São Carlos, SP). O conteúdo disponível reúne os mais recentes resultados da pesquisa relacionada nas três etapas da cadeia produtiva (pré-produção, produção e pós-produção), podendo ser consultado por meio de busca avançada, por navegação hiperbólica (na árvore e suas ramificações) ou por hipertexto.

Atualmente, a Ageitec tem publicadas 33 árvores do conhecimento de cultivo, 4 de criações, 11 temáticas e duas de territórios. Os conteúdos podem ser impressos na integra e compartilhados pelo Facebook, Twitter, LinkedIn, Google (G+1) e email. A Agência Embrapa de Informação Tecnológica também pode ser disponibilizada em outros sites, com atualização automática das árvores do conhecimento publicadas disponíveis no site da Ageitec. (www.embrapa.br/ageitec).

Kátia Marsicano (MTb/DF 03645)
Embrapa Informação Tecnológica

Telefone: (61) 3448 4590

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/